PM prende fazendeiro e outros dois por furto de 18 toneladas de café em Rio Paranaíba

Todo o café foi devolvido para os donos

publicado em 27/06/2020, por Farley Rocha


Parte do café não havia sido descarregada

A Patrulha Rural de Rio Paranaíba apreendeu nessa sexta-feira (26) uma grande quantidade de Café furtado na zona rural do município. Um fazendeiro, o filho dele e um caminhoneiro acabaram presos. As 18 toneladas de café foram devolvidas para os donos.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Clinica Medic Imagem

De acordo com informações da Polícia Militar, a patrulha rural foi comunicada que tinha amanhecido um caminhão tipo “basculante” com Guincho, atravessado em uma estrada vicinal na região de São João e Ferreiros, estando o veículo com uma caçamba da Fazenda Agroalpa, cheia de café.

Um funcionário da fazenda disse que não reconhecia o caminhão e que a caçamba tinha sido deixada em meio à lavoura, o que demonstrava ser produto de furto. Os policiais ainda encontraram outra caçamba nas proximidades, pertencente ao grupo “Magriotis”, estando essa vazia. Posteriormente, foi descoberto que essa caçamba também tinha sido furtada durante a madrugada, repleta de café.

Iniciado os levantamentos, os policiais militares conseguiram localizar o condutor do caminhão o qual resumiu em dizer que duas pessoas desconhecidas tinham solicitado para ele guinchar e transportar a caçamba, mas negou em dizer quem era os contratantes e para onde seguia. Ele ainda negou esclarecer onde ele tinha descarregado a outra caçamba encontrada vazia do grupo Magriotis.

Os policiais militares continuaram as diligências e descobriram que o caminhoneiro, morador de Patrocínio-MG, tinha sido contratado, por duas pessoas de Rio Paranaíba para puxar café de lavouras, até um terreiro, porém ainda não tinham feito nenhuma viagem.

Os policiais então pediram ao fazendeiro para mostrar seu terreiro de café, tendo ele alegado que ainda estava em construção, mesmo assim os policiais insistiram para ver o terreiro e não tendo como se esquivar o fazendeiro, contou que na verdade na noite anterior o caminhoneiro contratado por ele e seu filho, inexplicavelmente tinha descarregado uma caçamba de café no local, não sabendo ele dizer a origem.

Os policiais foram até o terreiro do fazendeiro e localizaram a grande quantidade de café depositada no local, grande parte ainda no monte. Funcionários do grupo “Magriotis” deslocaram ao local com maquinário e fizeram o recolhimento do café furtado que tinha peso estimado de 18 toneladas.

De acordo com os policiais, ficou constatado que que eles só não descarregaram a segunda viagem de café no mesmo terreiro devido o caminhão ter danificado a embreagem. O condutor do veículo, o fazendeiro e seu filho foram presos em flagrante por furto e receptação, sendo apresentados na Delegacia de Plantão.

Imagens atualizado em 27/06/2020 • 4 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 27/06/2020
Compartilhe:

8 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • TRP | 1 semana, 2 dias atrás

    Se fosse um pobre tava o nome dele e a foto, pode ver aí quando alguém rouba um pacote de bolacha,

    1 1 Responder

  • Marcelo ok | 1 semana, 3 dias atrás

    O jornalismo teria que ter um pouco mais direito em ser completo informações, para que nós cidadãos possamos nos defender melhor podendo conhecer os criminosos e assim monitora e fazer denúncias em atitudes suspeitas, mais à justiça a justiça o direito do infrator e maior que o da vítima ,, infelizmente é assim,,,

    21 0 Responder

  • Pedro | 1 semana, 3 dias atrás

    Se fosse pobre tinha foto nome e endereço

    19 0 Responder

    Juca Kfouri - 1 semana, 2 dias atrás

    Rapaz pode ser um pé de chinelo que nao pode informar o nome e nem a.cara deles. Isso e cousa dos nossos deputados federais e nossos senadores.

    2 0

  • Rio | 1 semana, 3 dias atrás

    Cade os nomes e as fotos?

    15 0 Responder

  • Rio | 1 semana, 3 dias atrás

    Cade os nomes e as fotos?

    10 0 Responder

  • Mão Branca | 1 semana, 3 dias atrás

    É café com bôrra.

    15 0 Responder

  • Patos sem passeio pra gente andar | 1 semana, 3 dias atrás

    Se tivesse justiça, pelo menos a policia militar pega bastante ...

    23 1 Responder