349669 2216 Ok
Publicado em 06/11/2017 por Farley Rocha
Compartilhe:

MP diz que assassinatos de irmãos foram sem piedade e pede pena máxima para acusado

O promotor entendeu que o acusado agiu sem um mínimo de piedade, chegando a girar a faca enquanto golpeava os irmãos.

Pedro Queiroz Gonçalves, 29 anos, foi denunciado por três crimes gravíssimos.

O Ministério Público, através do Promotor de Justiça Paulo Cesar Freitas, denunciou Pedro Queiroz Gonçalves, 29 anos, por três crimes gravíssimos. O promotor entendeu que o acusado agiu sem um mínimo de piedade, chegando a girar a faca enquanto golpeava os irmãos Darc Raab de Souza, Damaris Souza do Nascimento e Abner Calebe de Souza. Ele foi denunciado por homicídio quadruplamente qualificado, tentativa de homicídio também quadruplamente qualificada e outro homicídio triplamente qualificado.

Segundo a denúncia, o motivo do crime foi porque Pedro não aceitou o fim do matrimônio de 4 anos com Darc que teria decidido sair de casa por estar sendo vítima de violência física e moral. Quando ela deixou a residência, o acusado então comprou a faca e a amolou até ficar com o gume bastante afiado, planejando toda a ação. Ele ligou para Darc e foi ao apartamento para uma última conversa. Para se ter uma ideia da crueldade, as investigações apontaram que ele retalhou as roupas dela após esfaqueá-la e ainda fazer movimentos giratórios com a faca nos corpos dela e dos irmãos.

O primeiro golpe contra Darc que sofreu diversos ferimentos aconteceu quando eles se abraçavam. Paulo César ainda argumenta que Pedro tinha perfil agressivo e violento chegando a perseguir Darc. A denúncia diz que o acusado até tentou ingressar no mesmo serviço que a jovem. Para deixar a perseguição ainda mais nítida, o acusado teria conseguido a senha do whatsapp de Darc, por onde monitorava os passos da ex. Ele também seguia a jovem e simulava conversas com amigos. Neste caso, o MP vai pedir a quebra do sigilo telefônico para confirmar toda esta situação.

Como foi noticiado, Damaris foi esfaqueada quando descia as escadas para ver o que havia acontecido. Em seguida, Calebe foi surpreendido no quarto com um golpe nas costas quando estava deitado em sua cama. Foram dezenas de golpes, não sendo possível saber ao certo quantos foram. O motivo que levou Pedro a atacar os irmãos seria vingança. Os irmãos teriam ajudado Darc a romper o relacionamento. Damaris foi quem teria encorajado a irmã a sair de casa e também ajudou Darc a retirar os pertences da residência onde o casal morava. Já Calebe teria proibido Pedro de visitá-los no apartamento, onde tudo aconteceu. Paulo César usou os termos “martirizante” e “sem piedade” para descrever a ação de Pedro.

Conforme a denúncia, Pedro praticou os crimes por motivo torpe, por meio cruel, mediante recurso que dificultou a defesa das vítimas e, nos casos de Darc e Damaris, também com a qualificadora do feminicídio. Os crimes têm natureza hedionda com penas que vão a até 30 anos de reclusão para cada um deles. E tem mais. As penas dos crimes, se a condenação for conforme a denúncia, deverão ser somadas, já que o Ministério Público viu também o concurso material de crimes. 

Rovan - Super Banner Rodape - inicio 11-07-17
Autor: Farley Rocha Postado em 06/11/2017
Compartilhe:

82 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Meire Silva | 1 semana, 2 dias atrás

    Deixa ele 100 anos ...na cadeia .

    3 0 Responder

  • Larissa Ferreira | 1 semana, 2 dias atrás

    Graças a Deus justiça nesse país! Danilo Ramos

    2 1 Responder

  • Robson | 1 semana, 3 dias atrás

    Pena máxima e pouco o que ele fez cadeira elétrica para um maluco deste

    3 0 Responder

  • Gisa Maria Nunes | 1 semana, 3 dias atrás

    MONSTRO

    2 0 Responder

  • Jackezinha Lopes | 1 semana, 3 dias atrás

    Morrer e pouco num vai sofrer tem q sofrer

    5 0 Responder

  • FILÓSOFO | 1 semana, 3 dias atrás

    Esse crápula vai esperar, na cadeia, uns 2 anos pelo julgamento. Aí ele vai preso e vai sair, por bom comportamento e por ser réu primário, com 1/6 da pena cumprida. Como já terá cumprido dois anos, estará nas ruas3 anos após o julgamento. Em BH dois crápulas estrangularam uma menina de 4 anos, puseram fogo no corpo dela e a enterraram no quintal da casa dela. foram condenados e ficaram só 2 anos presos. foram libertados por entrarem para uma determinada Igreja e começarem a pregar a palavra de deus !!

    4 0 Responder

    Revoltado - 1 semana, 1 dia atrás

    Francamente n da pra acreditar em um absurdo desse, a pessoa faz uma crueldade dessa e depois vai pregar a palavra de Deus? Eles tem q pregar a palavra pro capeta la no inferno... Pq sinceramente, se eu fosse parente dessa menina, ...

    1 0

    Grajaú/MA - 6 dias, 23 horas atrás

    E o engraçado disso é, que depois que comente isso e na cadeia vai pra igreja, já se considera salvo livre de tudo que cometeu, acha que já foi limpo...kkkkkkkkkk Engano vai ter que prestar conta centil por centil, não existe ninguém em Igreja que não vai responder pelos seus atos, todos irão....

    2 0

  • Christiane Souza | 1 semana, 3 dias atrás

    Helenir Maria Cleidiane Sousa

    2 1 Responder

  • Roberta | 1 semana, 3 dias atrás

    Pena de morte..pra esse vagabundo

    6 0 Responder

  • Monica Araujo | 1 semana, 3 dias atrás

    Pena máxima pra esse covarde

    8 0 Responder

  • Kerlen Amaral | 1 semana, 3 dias atrás

    Nem comentários tenho De tanto nojo que da

    7 0 Responder

carregar mais comentários