349669 2216 Ok
Baile do Hawaii
Publicado em 30/12/2016
Compartilhe:

Fenamilho 2017 terá show beneficente no lançamento e passaportes 25% mais caros

O lançamento da festa será um evento beneficente com a dupla César Menotti e Fabiano.

O Presidente do Sindicato Rural de Patos de Minas, Elhon Cruvinel apresentou as novidades.

O Sindicato dos Produtores Rurais de Patos de Minas anunciou novidades nesta sexta-feira (30) para a Fenamilho 2017. O preço dos passaportes ficou 25% mais caro e o lançamento da festa será um evento beneficente com a dupla César Menotti e Fabiano. Toda a renda será destinada em prol da Pró-curar-se e lojas maçônicas. A Fenamilho 2017 vai acontecer de 19 a 28 de maio.

O Presidente do Sindicato Rural de Patos de Minas, Elhon Cruvinel, fez o anúncio durante entrevista coletiva na sede da entidade. Os passaportes de 1° Lote, vendas no escuro, aqueles em que as pessoas ainda não sabem quais os artistas comporão a grade de shows, custará R$150,00. No ano passado, o preço foi de R$120,00. Leia mais!

Outra novidade acontecerá no lançamento da festa marcado para o dia 11 de fevereiro. Os organizadores resolveram fazer um evento beneficente em prol da Pró-curar-se, entidade que cuida de pacientes com câncer em Patos de Minas e lojas maçônicas. Ao invés de entrada gratuita, como nos outros anos, para curtir o lançamento as pessoas pagarão R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia).

Imagens atualizado em 30/12/2016 • 6 fotos

O presidente anunciou que as pessoas que adquirirem os passaportes até a data do lançamento terão entrada garantida no lançamento. Cruvinel também informou que praticamente toda a grade de shows da Fenamilho 2017 já está contratada e o passaporte de 1° lote vai equivaler ao preço de apenas um ingresso da festa.

Os primeiros 10 mil passaportes começam a ser vendidos em Patos de Minas no dia 09 de janeiro, na bilheteria do Parque de Exposições, das 9h00 às 19h30. “Estes passaportes serão para beneficiar os moradores de Patos de Minas e região. Não serão vendidos pela internet”, afirmou.

Autor: Farley Rocha

Clínica Impar - Início: 21-08-17
Postado em 30/12/2016
Compartilhe:

24 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Carlos | 7 meses, 4 semanas atrás

    por mim tinha que ser mais caro, pra ver se dá menos gente.... desse preço e ainda enche de mala assaltando o povo, roubando carteira e celular! muito boa a festa, tirando a parte de ser pisoteado! :tired_face:

    0 0 Responder

  • Operação Lava Milho | 8 meses, 2 semanas atrás

    È uma verdadeira exploração deste sindicato estão acabando com a festa .Eles tinham q cobrar menos em tudo.Eles não estão tendo organização nos últimos 5 anos de festa e sim exploração.Fala para este presidente fazer uma festa para todos não só apenas para os ricos. EU acho q se a entrada fosse mais barata ,com certeza daria mais pessoas , de toda a região e da cidade .Os consumos seriam muito mais elevante. Os pobres tem apenas 2 ou 3 dias de graça para entrarem e mesmo assim não tem dinheiro em quantia de sobra para prestigiar o nome fenamilho porque festa já era .Isto sim é uma verdadeira exploração geral .E tem mais nós barraqueiro estamos sendo explorados nos aluguel das barracas e por isto vendemos caro quero ver este ano com o preço do aluguel e mais as despesas eles terão dificuldade nesta área de colocar barraqueiros para atender o povo. Além de explorar a gente eles não vê a dificuldade o tanto q é sofrido, cansativo ficar 10 noites diretas sem dormir .E depois não ter resultado. Eu queria ver se todos os barraqueiro combinar a não trabalhar nesta e em outras festas como eles fariam .Sem barracas não tem festas. O sindicato tem q ver q eles precisam mais dos barraqueiros q eles do sindicato.E outra eles não dão valor nos barraqueiros .Até quem vai trabalhar la durante a fenamilho em um serviço temporário nas barracas nós barraqueiros temos direito apenas de 3 passaportes o resto é pago para o sindicato se vc tiver mais pessoas para trabalhar.Q um dia Deus possa nos abençoar nós barraqueiros q trabalhamos certo em geral. Comissão de frente exploradores. :fire: :corn: :fire: :corn: :fire: :corn: :fire: :corn: :fire: :corn: :fire: :corn: Queimou a milho :fire: :corn: :fire: :corn:

    1 0 Responder

  • junio siqueira | 8 meses, 3 semanas atrás

    Uma palhaçada. Estão querendo e acabar com a festa msm.

    1 2 Responder

  • K GADO | 8 meses, 3 semanas atrás

    FENAMILHO??? Já??? Começou o circo... Se preparem "patetas", a naba em 2017 deve ser grande..

    4 1 Responder

  • Mais do Mesmo! | 8 meses, 3 semanas atrás

    O ano nem terminnou e já estão falando nesta festa! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    3 0 Responder

  • Chacrinha Amarilim | 8 meses, 3 semanas atrás

    Eu não vou mesmo, pode custar até 2 mil por dia,sou um menino meio menina metaleiro!

    7 6 Responder

  • João de Deus | 8 meses, 3 semanas atrás

    O Sindicato só pode ta querendo acabar com a nossa Fenamilho. Nessa crise que o país passa, desemprego pra todo lado e ainda aumenta o preço do passaporte. A Fenamilho desse ano já foi péssima. Pelo jeito ano que vem vai ser pior :cold_sweat: :cold_sweat: :cold_sweat:

    16 2 Responder

  • Ricardo | 8 meses, 3 semanas atrás

    É triste como se vê em todos os anos uma entidade privada lucrar milhões as custas dos órgãos públicos: Uma prefeitura inteira a disposição desta festa privada, homens, recursos... O Estado Federal e Estadual com manobras de recursos financeiros e conchaves políticos. Os órgãos Estaduais e Municipais atuando como em nenhuma outra época atua; Polícias, Bombeiros, Ministério Público, Cemig, Copasa, Conselho Tutelar; já pararam para pensar? Todos esses anos uma festa particular usando dos mais variados recursos públicos? Recursos estes que deveria ser em prol de toda uma população! Fica a indignação, de mais uma parte podre, de uma Nação corroida, vergonhosa. :rage: :pineapple: :money_with_wings: :pizza: :see_no_evil: :mag_right: :mag_right: :mag_right: :mag_right: :mag_right: :mag_right:

    15 1 Responder

  • Perito | 8 meses, 3 semanas atrás

    Pra isso os brasileiros são bons: festa, carnaval, baile, show, só pra isso. Tem uma grande organização, grande eficiência, padrão FIFA. Mas pra trabalhar em prol do povo 365 dias do ano, neeeem. Não tem saúde pública, um senhora teve que ir na tv e chorar pra poder ser atendida por medida do MP, sendo que na lei é bem claro Saúde é um direito de TODOS e DEVER do estado. Além da saúde, tem a educação (uma m...), a segurança pública (outra m...). Assim segue no país das maravilhas, pelo menos nos shows e carros alegóricos carnavalescos, mais nada.

    6 3 Responder

  • Ribeiro | 8 meses, 3 semanas atrás

    Não sou mt chegado a música sertaneja, mas acho q a Fenamilho é uma baita festa e mt bem estruturada, sou evangélico e acho q deveria parar com shows do tipo gospel e qualquer show religioso, pq a Fenamilho é uma festa focada a um público q quer saber farrear, então solta o sertanejo, axé, rock e outros estilos na arena e praça park e deixa o batidao para o paiolão, falo isso pq a festa é focada para quem tem calibre, shows religiosos deveriam ser feitos na praça do coreto, falo isso tb pq se chove no dia do show gospel vem fanático reclamar q o sindicato fez isso por q não tem respeito aos crentes, então pra ninguém ficar chorando faz a Fenamilho lr quem gosta e tem calibre pois vai quem quer, quem gosta e quem tem condições, e mais duas coisas, poderiam trazer dj's como David Guetta aew o trem seria mt loko, e melhorar os preços lá dentro pq é mt caro ( as duas coisas são minha opinião )

    11 3 Responder

carregar mais comentários