Vereadores analisam Projeto que vai permitir a instalação de indústria em Santana de Patos

A mudança na especificação do distrito é necessária para viabilizar a implantação da indústria.

publicado em 16/04/2019,


Os vereadores deliberaram favoravelmente pela constitucionalidade, legalidade e mérito (interesse público) da matéria.

As autoridades municipais deram mais um passo para a instalação de uma indústria de laticínios no distrito de Santana de Patos. O Projeto de Lei Complementar no 782/2019, de autoria do Executivo Municipal, que “Institui Zona de Urbanização Específica” foi analisado em duas comissões. A mudança na especificação do distrito é necessária  para viabilizar a implantação da indústria.

Na Justificativa do Projeto, o Executivo Municipal ressalta o interesse da empresa de laticínio de instalar sua unidade no distrito de Santana de Patos.  “É de conhecimento de toda a população, haja vista ter sido divulgado pela comunidade de Santana de Patos, e nos âmbito dos Poderes Públicos municipais e mídia em geral, a manifestação de intenção da empresa de laticínios, que inclusive, como se vê no projeto e sua documentação, ela já adquiriu o terreno para esse fim”. Durante audiência do Plano Diretor em novembro do ano passado, os moradores de Santana de Patos também se manifestaram favoráveis à expansão do perímetro para a instalação da indústria.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

O Executivo Municipal também ressaltou na Justificativa a relevância da construção do laticínio no local: “A importância do empreendimento para a comunidade local e para o município de Patos de Minas, tendo em vista os ganhos econômicos e sociais, com geração de empregos, renda e impostos, o que resguarda o interesse público”.

O Projeto foi analisado pelos membros da Comissão de Legislação, Justiça e Redação – CLJR e da Comissão de Urbanismo, Transporte, Trânsito e Meio Ambiente – CUTTMA. Os vereadores deliberaram favoravelmente pela constitucionalidade, legalidade e mérito (interesse público) da matéria. Com isso, o Projeto de Lei Complementar será objeto de discussão e votação, em 1º  e 2º  turnos, na Reunião Extraordinária desta terça-feira (16/04), às 14 horas, no plenário da Câmara Municipal.

Projeto Industria Santana de Patos

Segundo o empreendedor, o Projeto Santana de Patos prevê a implantação de uma moderna unidade fabril de aproximadamente 25.000 m2, divididos em áreas produtivas, áreas de apoio e administrativa para a sustentação da operação do “complexo fabril”.

De acordo com a planta, a indústria terá capacidade produtiva de 500.000 (quinhentos mil) litros de leite/dia, com um investimento de aproximadamente R$ 80.000.000,00 (oitenta milhões de reais), sendo: construção civil, R$20.000,000,00 (vinte milhões de reais); máquinas e equipamentos, R$ 52.000.000,00 (cinquenta e dois milhões de reais); estudos e projetos, R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais) e montagem em geral, R$ 7.000.000,00 (sete milhões de reais).

A previsão do início da obra é para 2020, dois anos de obras, sendo que deverá gerar aproximadamente de 300 (trezentos) empregos diretos e mais 2.000 (dois mil) indiretos. Os dados citados são retirados de documento produzido pelo empreendedor denominado Projeto Santana de Patos.

Imagens atualizado em 16/04/2019 • 4 fotos

Postado em 16/04/2019
Compartilhe:

46 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Ppppppppooo | 5 meses atrás

    Kkkkkkk é para rir ou chorar!?!

    2 1 Responder

  • rapha | 5 meses atrás

    EU FAÇO UMA CAMPANHA PARA QUE TODOS PATENSES NÃO VOTE NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES PARA NENHUM VEREADOR.SE CONCORDAR DAR UM JÓIA

    9 0 Responder

  • Maria | 5 meses atrás

    Temos que rever nossos conceitos, se essa turma esta ai é porque infelizmente somos nós que não sabemos votar. É tanto eleitor trocando votos em cestas básicas (aliás uma miséria de cesta) INDGNADA.

    3 0 Responder

  • Santanense com muito orgulho | 5 meses atrás

    Vivemos numa região agrícola e a implantação do Lacticínio vai trazer benefícios e gerar empregos para Santana e região. Agora como os comentários são livres muito me admira uma pessoa perder seu tempo falando sobre um distrito que assim como os demais tem todos os problemas que a sociedade atual vive. Santana é realmente uma comunidade com muitos problemas a serem resolvidos, porém o direito de ir e vir vale para todos,não gosta da comunidade apenas mude daqui ou simplesmente passe a colaborar e não apenas apontar pontos negativos, porque toda comunidade tem problemas a não ser nos contos de fadas.

    12 0 Responder

  • Marcos | 5 meses atrás

    kkkkkkk, autoridades, oiiiiii onde tem autoridade aí, são empregados do povo e ninguém sabe disso,(pior que tem um ótimo salário tirado do povo) a questão é que eles se setem autoridades, graças a Deus meu voto não foi para nenhum que infelizmente hoje ocupa uma cadeira na Câmara Municipal. Vamos ao tema da reportagem, meu querido povo de patos, será que nossos empregados, tem conhecimento e capacidade para decidir se a tão importante e necessária Industria seria instalada em Santana de Patos, penso que as razões negativas ou positivas da instalação da Industria deveria ser discutida e decidida por profissionais que tenha conhecimento de todo o processo. Agora vem esses senhores(as) discutirem se vão ser beneficiados com tal instalação todos nos sabemos que no final das contas e assim que acontece para votar a favor tem que ter alguma vantagem. POVO DE PATOS, VAMOS FAZER UMA CAMPANHA, PARA O PRÓXIMO ANO TROCA TODOS.

    6 1 Responder

  • Luzia | 5 meses atrás

    Poderiam transferir esse projeto para Lagoa Formosa, o povo de lá também precisa trabalhar ...

    1 16 Responder

  • Gustavo | 5 meses atrás

    Kd o plano diretor? Isto aí poderia ser resolvido por lá, Zé ostaki ocê tá muito ruim.

    8 2 Responder

  • rapha | 5 meses atrás

    A turma da escolinha do Chico Anisio tem mais capacidade quê esse bando ai!

    11 2 Responder

  • J Junior | 5 meses atrás

    DESSES VEREADORES INCOMPETENTES AI PODE ESPERAR TUDO, PARA ELES ARRUMAR QUALQUER COISA AI PARA ATRASAR ESTE PROJETO POUCO CUSTA, PARA AJUDAR A POPULAÇAO NAO FAZ NADA, MAS ATRAPALHAR ISSO E FACIL, ANO QUEM VEM TEM QUE COLOCAR GENTE QUE ENTENDE NA CAMARA E NAO ESSES COITADOS AI.

    5 2 Responder

  • Rafael | 5 meses atrás

    Que tanto de gente atôa, sem ter o que fazer, credoooo!

    6 0 Responder

carregar mais comentários