Trump alerta China a não retaliar contra aumento de tarifas

Trump elevou as tarifas para 25%, de 10% antes, sobre 200 bilhões de dólares em importações chinesas na semana passada.

publicado em 13/05/2019,


O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, alertou nesta segunda-feira a China a não retaliar contra o aumento nas tarifas que ele impôs na semana passada e disse que o país “será duramente afetado se não fizer um acordo”.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

“Não há motivo para o consumidor dos EUA pagar as tarifas, que entram em vigor sobre a China hoje...a China não deveria retaliar —só vai piorar!”, escreveu Trump no Twitter, acrescentando que as tarifas podem ser evitadas se as indústrias mudarem a produção da China para outros países.

Trump elevou as tarifas para 25%, de 10% antes, sobre 200 bilhões de dólares em importações chinesas na semana passada. Ele também ordenou que o representante comercial dos EUA, Robert Lighthizer, elabore um documento para impor tarifas sobre um valor adicional de 300 bilhões de dólares em mercadorias vindas da China, o que e cobrirá todas as importações chinesas com impostos.

A negação do presidente de que os consumidores dos EUA serão afetados pelo aumento das tarifas contraria as palavras de seu próprio assessor econômico. O diretor do Conselho Nacional de Economia da Casa Branca, Larry Kudlow, disse em uma entrevista no domingo que “ambos os lados” provavelmente sofrerão em meio ao aumento das tensões comerciais com a China.

Trump continuou a acusar a China de quebrar um acordo comercial que os dois países estavam negociando e ameaçou o país asiático com dificuldades econômicas caso a guerra comercial se estenda, dizendo que as empresas deixarão a China em massa.

“Eu digo abertamente ao presidente Xi e a todos os meus muitos amigos na China que a China será afetada com força se vocês não fizerem um acordo, porque as empresas serão forçadas a deixar a China e ir para outros países. Caro demais comprar na China. Vocês tinham um ótimo acordo, quase finalizado, e voltaram atrás”, disse Trump.

Fonte: Agência Reuters

Postado em 13/05/2019
Compartilhe:

2 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Forasteiro | 1 semana atrás

    Não manda a cara com a China não EUA que vocês enrolar..Tá achando que ai e o Brasil ai não tem o Bozo tomando conta puxando saco de vocês não ...

    0 0 Responder

    O Debochador - 6 dias, 19 horas atrás

    Os EUA sempre acham que todos os países tem que perder para eles ganharem. Acontece que a China cresceu demais sem eles perceberem e estão perdendo a influência na Europa para a China. Quando For colocada em funcionamento o esquema chinês da Rota da Seda os EUA podem pedirem para sai. se contentar com o segundo lugar. A Parceria China e Rússia endoida os os americanos.

    0 0