349669 2216 Ok
Caiçaras - Full Banner
Publicado em 20/11/2017 por Maurício Fernandes
Compartilhe:

Táxi vai parar em poste e 3 pessoas ficam feridas em acidente na Avenida Paranaíba

Três pessoas, sendo uma criança de 1 mês, tiveram que ser socorridas até o Hospital Regional.

Com o impacto da batida, o GM/Cruze foi parar em um poste de iluminação pública.

O acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira (20) no Centro de Patos de Minas. Os dois veículos seguiam em direções opostas quando a condutora convergiu e acabou batendo na lateral do táxi que foi parar em um poste de iluminação pública. Três pessoas, sendo uma criança de 1 mês, tiveram que ser socorridas até o Hospital Regional.

O acidente aconteceu na Avenida Paranaíba esquina com a Rua Nações Unidas por volta de 14h20. De acordo com o Cabo Daniel, a condutora do Ford/Fiesta de 42 anos seguia na Avenida Paranaíba sentido à Avenida Fátima Porto quando convergiu à esquerda na Rua Nações Unidas e acabou batendo na lateral de um táxi GM/Cruze que seguia na Avenida sentido Centro.

Com o impacto da batida, o GM/Cruze foi parar em um poste de iluminação pública. O condutor de 46 anos disse que chegou a buzinar para a motorista, mas não conseguiu evitar a colisão. Dentro do Táxi havia três pessoas sendo um bebê de 1 mês de idade. As vítimas não sofreram ferimentos aparentes, mas, como a batida foi muito forte, eles foram encaminhados para o Hospital Regional para uma avaliação médica.

Os dois veículos ficaram bastante danificados, a documentação estava regular e eles foram liberados para seus proprietários. O Patos Hoje já fez reportagens de outros acidentes ocorridos neste local. Motoristas reclamam que, como o morro é muito íngreme e em uma curva, fica prejudicada a visibilidade para quem deseja convergir à esquerda, como ocorreu com a motorista do Fiesta. 

Imagens atualizado em 20/11/2017 • 26 fotos

Rovan - Super Banner Rodape - inicio 11-07-17
Autor: Maurício Fernandes Postado em 20/11/2017
Compartilhe:

41 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Uber o melhor | 3 semanas, 3 dias atrás

    só eu q fico intrigado com esses taxistas comprando esses carros acima de 100 mil pra usar de taxi? e a intriga é justamente por conta do desconto que eles ganham pra poder comprar esses carros. XO TAXI, vem UBER.

    3 1 Responder

  • Karlla Ludimila Caixeta Caixeta | 3 semanas, 4 dias atrás

    Eles se acham os donos da cidade. Andam a mil.

    5 2 Responder

  • Ditinho | 3 semanas, 5 dias atrás

    Táxi não respeita ninguém. Passa na frente de todo mundo e acham que são donos das ruas. Xingam todo mundo na rua. Turminha mal educada.

    7 4 Responder

  • Ditinho | 3 semanas, 5 dias atrás

    Táxi não respeita ninguém. Passa na frente de todo mundo e acham que são donos das ruas. Xingam todo mundo na rua. Turminha mal educada.

    6 2 Responder

  • Carlos André Rodrigues | 3 semanas, 5 dias atrás

    Gilberto Miranda Gomes olha o perigo na sua rota diária.

    4 1 Responder

  • Rikinho | 3 semanas, 5 dias atrás

    O que acontece na maioria das vezes são que os taxistas não respeitam os outros motoristas,nem as leis de transito, andam com velocidade muito alta, piscando farol para veiculos que estão a frente, as vezes buzinando, furando sinais, não existem caderinhas para crianças, e e, ainda conseguem descontos em impostos do governo e desconto no carro, uber deveria chegar em patos de minas o quanto antes.

    7 14 Responder

    Patense - 3 semanas, 5 dias atrás

    Deixa buzinar. Se acontecer comigo nem ligo. Vou continuar dirigindo do mesmo jeito. Pois se estou certo nao preciso ficar dando caminho pra apressadinhos.

    7 2

    heitor - 3 semanas, 3 dias atrás

    rikinho, o uber ja está selecionando motoristas pra k, logo logo vai estar operando aqui

    1 0

  • Cláudia | 3 semanas, 5 dias atrás

    Como a visibilidade é prejudicada, o motorista deve redobrar a atenção e reduzir a velocidade ou até mesmo parar e só seguir após verificar que não está vindo nenhum veículo. Passo neste local todos os dias e já vi diversos motoristas imprudentes.

    11 3 Responder

  • Edinaldo | 3 semanas, 5 dias atrás

    O mato no canteiro central impede a visibilidade. Resolução do problema: prolongar o canteiro, fechando o cruzamento. Simples assim.

    8 1 Responder

    Marcos - 3 semanas, 5 dias atrás

    o mato impede a visibilidade e obriga a ter mais atenção, mas como são urros, vamos culpar o mato pelo minha imprudencia e barbeiragem.

    1 4

  • Ficou perigoso | 3 semanas, 5 dias atrás

    Eu dirijo com o maior cuidado e quase bati esses dias atrás nesse mesmo local, devido a essa subida, quem esta descendo a paranaiba para virar a esquerda, quase não tem visibilidade de quem vem subindo da fatima porto ......perigoso ficou esse cruzamento...

    10 2 Responder

    Justiça para Ficou perigoso - 3 semanas, 5 dias atrás

    Concordo com você. Passo todos os dias pelo local. Realmente o traçado da pista, o mato e a visibilidade pelo local são péssimos. Muito perigoso. Todo acidente por esse local vai trazer grandes riscos para os envolvidos pois quem sobe sentido centro da cidade sobe com tudo, devido ao grande aclive do local. Alô prefeitura tome providências no local, ou com lombada, semáforo, ou mudança do traçado dessa via. Pois o local está um perigo.

    2 0

  • Cidadão | 3 semanas, 5 dias atrás

    Aquele cruzamento não tem visibilidade e como as pessoas aqui em Patos não costumam respeitar as preferências no Trânsito, é isso que ocorre. Infelizmente.

    22 0 Responder

carregar mais comentários