Reunião da Câmara é palco de reclamação, cobranças e lançamento de cartilha de marketing

A reunião da Câmara Municipal teve a participação de funcionários em greve do Hospital Regional e de músico da cidade que, mais uma vez, saíram sem uma resposta para a música ao vivo na cidade.

publicado em 08/11/2019, por Maurício Fernandes


A reunião foi na tarde desta quinta-feira.

A reunião ordinária dessa quinta-feira (07) da Câmara Municipal de Patos de Minas foi bastante movimentada. A sessão legislativa teve a participação de alunos do curso de Jornalismo do Unipam que usaram a Tribuna Livre para apresentar aos vereadores o Projeto Xeque Mate de marketing político. Moradores do bairro Jardim Quebec também fizeram o uso da palavra para cobrar providências em relação ao mau cheiro que toma conta do lugar. A reunião teve ainda a participação de funcionários em greve do Hospital Regional e de músicos da cidade que mais uma vez saíram sem uma resposta.

Os alunos do 8º período do curso de jornalismo do Unipam foram os primeiros a utilizarem a Tribuna Livre. Eles aproveitaram o espaço para mostrarem o Projeto Xeque Mate, criado para auxiliar as pessoas que pretendem disputar as próximas eleições. De acordo com a estudante Larissa Caroline, o manual foi idealizado para orientar candidatos na elaboração de campanhas eleitorais. “A principal abordagem do nosso projeto é o uso da internet e das mídias digitais durante a campanha dos políticos”.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

A Coordenadora dos cursos de Comunicação Social do Unipam, Regina Macedo, disse que fazer o lançamento do projeto na Câmara Municipal foi de fundamental importância, uma vez que os políticos são o público alvo do manual. Segundo Regina, a câmara é a casa do povo e o projeto também é voltado para a comunidade. “Não é apenas um manual voltado para o marketing político. É um manual voltado para o político e para a sociedade. Por meio do Xeque Mate, a comunidade vai saber como cobrar as questões de plano de governo entre outras coisas e estar aqui na casa do povo é muito importante para nós” disse a professora. O manual Xeque Mate estará disponível a partir desta sexta-feira (08) nas plataformas digitais.

O vereador Bosquinho disse que o projeto é muito interessante e aumenta ainda mais a responsabilidade dos parlamentares. “O projeto veio em um momento muito certo visto que estamos próximos de eleições municipais e um trabalho assim reforça ainda mais o censo crítico da população quanto às propostas e intenções de governo dos candidatos”. Ainda segundo o vereador, a participação de pessoas cada vez mais jovens na política é vista com bons olhos. “A negação da política é também uma negação com a democracia. O que eu considero importante, principalmente por meio das redes sociais, é que as informações correm com muita velocidade e é preciso sempre estar atento ao que é verdadeiro e o que é falso”. 

Moradoras do bairro Jardim Quebec também fizeram o uso da Tribuna da Câmara. Elas representaram todos os habitantes do bairro que estão sofrendo com o mau cheiro que tomou conta do lugar. O Patos Hoje mostrou recentemente a denúncia dos moradores contra Estação de Tratamento de Esgoto-ETE- da Copasa que estaria provocando o problema. Eles chegaram a fazer um abaixo assinado pedindo providências urgentes.

Além dos moradores do Quebec, funcionários que aderiram a greve no Hospital Regional  levaram faixas e cartazes ressaltando a insatisfação da categoria com o Governo do Estado. A paralisação é um protesto contra a proposta de Romeu Zema de terceirização dos serviços de saúde para as chamadas Organizações Sociais - OS.

E mais uma vez os músicos da cidade ficaram sem uma resposta das autoridades quanto às músicas ao vivo nos bares. Os artistas locais lutam para poderem trabalhar respaldados pela lei e enfrentam uma disputa ferrenha com as autoridades. O presidente da Associação dos Músicos de Patos de Minas disse que pretende realizar uma reunião com os artistas e convidar formalmente representantes da Prefeitura Municipal para que esses prolemas sejam resolvidos o quanto antes.

Imagens atualizado em 08/11/2019 • 10 fotos

Autor: Maurício Fernandes Postado em 08/11/2019
Compartilhe:

7 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • redo uai | 6 dias, 14 horas atrás

    A Copasa manda na cidade mais que o prefeito, ela manda e desmanda e ninguém tira farinha

    2 0 Responder

  • Arapuca | 6 dias, 17 horas atrás

    ... e a Copasa...!!!???

    0 0 Responder

    Mais que cachorrada - 6 dias, 14 horas atrás

    Resposta ao arapuca,a Copasa manda na cidade mais que o prefeito kkkkkkkkk

    2 0

  • BARES COM MÚSICA AO VIVO MUITO ALTA | 6 dias, 17 horas atrás

    TEM ter música ao vivo somente em locais adequados onde não encomoda a vizinhança . Não pode ser em local aberto bares que colocam música na calçada em varandas abertas isso encomoda os vizinhos .

    4 1 Responder

  • Biricutico | 6 dias, 18 horas atrás

    Essa Câmara municipal é uma piada,na verdade tudo que envolve a prefeitura também,o desmando é total,a Copasa é dá as cartas para o prefeito,a farmácia municipal só tem funcionários, que não fazem nada, mais não tem o que fazer porque o principal não tem qui é os medicamentos, vamos cambada de sangues suga agir prá ver se melhora alguma coisa, prefeito e vereadores,mostrem a que veio

    5 0 Responder

  • Lucio Netto | 6 dias, 18 horas atrás

    Blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá, blá.

    9 0 Responder

  • Sincero | 6 dias, 19 horas atrás

    Está faltando remédios essenciais na farmacinha também! :rage:

    3 0 Responder