Representantes de órgãos discutem ações de segurança pública em reunião do Consep

O Olho Vivo Cidadão e a implantação do Centro Socioeducativo para Menores foram alguns dos temas levantados.

publicado em 10/07/2019, por Farley Rocha


Diversas autoridades e representantes de órgãos e entidades da cidade participaram da reunião.

Representantes de órgãos e entidades de Patos de Minas discutiram nesta quarta-feira (10) ações de segurança pública que estão sendo implementadas na cidade. As discussões aconteceram durante a reunião do Conselho Comunitário de Segurança Pública-CONSEP- na sede da Ordem dos Advogados do Brasil-OAB. O Olho Vivo Cidadão e a implantação do Centro Socioeducativo para Menores foram alguns dos temas levantados.

Diversas autoridades e representantes de órgãos e entidades da cidade participaram da reunião de aprovação das contas do CONSEP. O Olho Vivo Cidadão, sistema que está em fase inicial de implantação, foi apresentado na audiência. O Presidente do Consep, Eduardo Castanheira, informou que, pelo projeto, os moradores poderão disponibilizar as imagens de suas câmeras de segurança para a Polícia Militar fazer o monitoramento 24 horas por dia.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

A partir do sistema, o morador ou um conjunto de moradores podem se unir e contratar uma empresa para que as imagens possam ser disponibilizadas em tempo real para o acesso da Polícia Militar. A intenção é criar uma rede de cobertura de vários pontos do município. Alguns já estão funcionando e foram mostrados para os representantes. O valor do serviço ficaria em torno de R$40,00. “As imagens ficam armazenadas em nuvem”, explicou. 

Outra situação apresentada foi a possível construção de um Centro Socioeducativo para Menores em Patos de Minas. O Diretor do Centro de Internação Provisória para Menores-CEIP-, Marcus Vinicius Oliveira Barbosa, explicou que os adolescentes podem ficar internados provisoriamente no CEIP de Patos de Minas somente por 45 dias. Após isso, aqueles sentenciados são levados para outros municípios o que não resolve muito o problema. Ele informou que, ao retornarem para Patos de Minas, voltam muito mais problemáticos.

Ele sugeriu que a construção seja realizada no antigo CSU, imóvel que atualmente está sob responsabilidade da Polícia Militar. Mas ele salientou que, primeiramente, é necessária a confecção de projeto atendendo a todas as normas legais. E teve mais temas debatidos. O Delegado Regional, Luís Mauro Sampaio, também destacou o trabalho da APAC e parabenizou as autoridades envolvidas no projeto, enfatizando a necessidade de mais apoio para a associação. 

Imagens atualizado em 10/07/2019 • 13 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 10/07/2019
Compartilhe:

9 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Agroolo | 3 dias, 12 horas atrás

    Bom dia. Matéria sobre segurança ( concursos etc) , matéria sobre saúde ( concursos, etc) matéria sobre educação huuummm essa precisa atualizar , qual o foco do momento?.

    0 0 Responder

  • CENTRO DE INTERNAÇÃO NO CSU???? | 4 dias, 6 horas atrás

    SÓ EM PATOS MESMO....BANDIDO DENTRO DA CIDADE???? ESSE EDUARDO CASTANHEIRA TÁ É DOIDO....TEM QUE PROCURAR UM LUGAR MAIS DISTANTE DO CENTRO...ABSURDO AQUI PRA VIZINHANÇA, TRAZER UMA CADEIA DE PEQUENOS MARGINAIS PRA CIDADE. SAI FORA CENTRO DE INTERNAÇÃO....

    2 0 Responder

  • Nova Floresta tem vigilância clandestina | 4 dias, 9 horas atrás

    Pm Tem que prender esses vigilantes clandestinos que ficam buzinando em motos durante a noite e madrugada . Esses caras são todos bandidos de fora da cidade são de Pernambuco do trecho Rua Alzino Martelo . Sebastião Tomás . Ailton Pedro . Pedro Andalecio . Ilídio Pereira . Começam umas 10:30 da noite

    12 0 Responder

  • DROGAS DESTROEM A Segurança | 4 dias, 10 horas atrás

    Tem que acabar com AS drogas matar todos traficantes e usuários

    12 0 Responder

    Ageoolo - 3 dias, 12 horas atrás

    Essa parte podre da sociedade, está longe de acabar, (isso é falta de educação e trabalho) estudei e trabalhei e nunca tive prazo para essas coisas.

    0 0

  • POIZEH | 4 dias, 10 horas atrás

    SEGURANÇA PÚBLICA se faz é com agentes policiais na rua..., seja a pé, de viatura, à cavalo...de moto, bicicleta, barco ou aeronave...! PRECISAMOS de EFETIVO..., viaturas não patrulham..., sozinhas...!!! É preciso investir em material humano!!!! Ou o Estado dá conta do recado, ou o Município assume e implanta logo A GUARDA MUNICIPAL...!!!! Sem praticar o POLICIAMENTO, FISCALIZAÇÕES, BLITZ E OUTRAS PARADAS PREVENTIVAS, NÃO HÁ COMO COIBIR O MAL...!!!! Bom será, poder contar com mais viaturas e equipes de trabalho NAS RUAS...!!! Não podemos tampar o sol com a peneira...!!!! Bandido tem que ter medo de alguma coisa!!!! É preciso chutar algumas canelas..., para que o bem prevaleça!!!!

    8 2 Responder

  • Turma do Quiabo | 4 dias, 10 horas atrás

    Aqui em Patos, as autoridades vivem em reuniões infrutíferas. Se cada uma fosse para o seu gabinete ou pra rua trabalhar, as coisas melhorariam muito. Pra quê tanta reunião que não decide nada. Ninguém quer assumir responsabilidade, só sabem escorregar.

    8 3 Responder

  • Chega de hipocrisia | 4 dias, 10 horas atrás

    Se tem que pagar 40,00, à segurança não é pública, mas privada. O melhor mesmo é dispensar a polícia, demitir todo mundo, e contratar segurança particular. Tenho certeza que assim melhora.

    7 13 Responder

  • alguel | 4 dias, 10 horas atrás

    eu tem uma preguiça quando acontece essas reunioes pra se fala em segurança publica,um bando de gente com bla bla bla e que nao chega a luga nem um,segurança publica e ter leis severamente rigidas e com puniçoes ao estremo e so isso e pronto,ai sim diminui em noventa por cento ,o ser humano so tem medo da puniçao severa,enquanto nao existi isso nunca vai melhora, o resto e so bla bla bla.

    6 5 Responder