Primeira Igreja Presbiteriana vai comemorar os 130 anos de presença em Patos de Minas

A primeira celebração acontece já nesta terça-feira (05), às 19h30, no Centro de Convenções do Unipam.

publicado em 04/11/2019, por Maurício Rocha


 A Primeira Igreja Presbiteriana fica na avenida Getúlio Vargas, 582 – bem no centro de Patos de Minas.

A Primeira Igreja Presbiteriana terá uma programação especial esta semana para comemorar os 130 anos da presença presbiteriana em Patos de Minas e os 72 anos de organização eclesiástica. A primeira celebração acontece já nesta terça-feira (05), às 19h30, no Centro de Convenções do Unipam e terá a presença do Reverendo Hernandes Dias Lopes.

No dia 10 de novembro, a Primeira Igreja Presbiteriana irá realizar três cultos, um às 9h, outro às 18h, e o último às 19h30. As celebrações terão a participação do revendo Roberto Brasileiro e do cantor Josimar Bianch. A entrada é aberta ao público. A Primeira Igreja Presbiteriana fica na avenida Getúlio Vargas, 582 – bem no centro de Patos de Minas. Outras informações podem ser obtidas pelo telefone 3821 2332.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

História da Primeira Igreja Presbiteriana em Patos de Minas

O início desta história está associado com a chegada do casal Thomas Smith e Elisa Smith, em companhia do casal Jorge e Maria Cramer, que vieram do Rio Janeiro para Patos de Minas com a finalidade de trabalhar na fabricação de objetos de porcelana em 1889. Nesse mesmo ano, chegou mais um casal, Sair-Clair Justiniano Ribeiro e Francisca Beatriz Ribeiro, também do Rio de Janeiro. Eles se reuniam aos domingos na casa dos Smith para culto e pregação da Palavra de Deus.

Em 1893, acolhidos pelo Rev. Carlos Morton, a Igreja recebeu por profissão de fé e batismo seus primeiros convertidos: João Camilo da Cruz, Francisco Tolentino, Francisco Amâncio, Manoel Amâncio e sua esposa Maria Amâncio. Em 1900 professaram sua fé, João de Barros e sua esposa Rita Maria da Paixão Barros. Com a morte de João Camilo, em 1905, o Sr. João de Barros tomou a frente do trabalho, fazendo os cultos em sua residência situada à Rua General Osório. No ano de 1915 o trabalho evangélico tornou-se ainda mais conhecido na cidade devido a conversão de Antônio Dias Maciel, que ouviu a Palavra e a acolheu, quando estudava no internato do Instituto Gammon, em Lavras.

A Congregação de Patos de Minas estava crescendo e o trabalho adquirindo força. No dia 24 de outubro de 1929 deixou de funcionar em residência particular transferindo-se para casa própria, localizada à Rua Olegário Maciel.

O novo local foi reverentemente chamado de “Casa de Oração”. Em 1938 chegou a Patos de Minas o primeiro pastor residente, o Rev. Estevão Sloop, que permaneceria na direção até 1943. Quando o Rev. Sloop chegou, a construção do novo templo na Avenida Getúlio Vargas, 582, estava iniciada, entre a residência de João Pacheco Filho e do Prefeito Clarimundo. A construção teve a contribuição dos fiéis da Igreja e daqueles que simpatizavam com a fé professada pelos presbiterianos. Na Ata do Conselho encontramos registro sobre: “a imensa contribuição pessoal do Sr. Clarimundo José da Fonseca Sobrinho, prefeito e Ataualpa Dias Maciel, secretário do município”.

No dia 13 de Novembro de 1947 foi realizada a cerimônia de organização da Igreja. O Rev. David Willianson, fazia perguntas constitucionais à Congregação e esta respondia ficando em pé. No mesmo dia, foi realizada a votação para diáconos e presbíteros. Foram eleitos os seguintes presbíteros: João Pacheco Filho, Américo Moreira Coelho e Oscar Gomes de Deus. Posteriormente, verificou-se a eleição dos diáconos: João Evangelista Gonçalves, Antônio Pacheco e Alírio Moreira Coelho.

As páginas desta história continuam sendo escritas. Hoje, a Igreja tem procurado cumprir a sua missão de adorar a Deus, proclamar a Palavra, integrar pessoas, servir com excelência e influenciar o mundo. Reconhecemos que nosso compromisso só será alcançado se o Senhor da Igreja usar de misericórdia e graça para conosco. Somos gratos a Deus pelas vidas que Ele usou ao longo dos anos. Aprendemos com o zelo, dedicação, fidelidade à Palavra, ousadia na pregação e simpatia desfrutada pelos nossos antecessores. Sentimo-nos desafiados a prosseguir com fé, dedicação e humildade honrando a Deus mediante nossos atos.

Autor: Maurício Rocha Postado em 04/11/2019
Compartilhe:

23 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Alguém | 1 semana atrás

    A reportagem fala da igreja presbiteriana e tem gente comentando sobre testemunha de Jeová kkkkkkkkk o que tem haver um com o outro? Que falta de dissernimento, um tem nada nada haver com o outro kkkkkkkk

    2 0 Responder

  • Amada do PAI | 1 semana atrás

    Igreja amada do Senhor, sou grata a Deus pela historia da igreja Presbiteriana e pelo fiel trabalhado embasado na Fé Reformada. Deus é quem tem sustentado toda história e abençoado nossas vidas com o privilegio de conhecer seu doce amor.

    6 12 Responder

  • TESTEMUNHAS DE JEOVÁ SÃO MUITO CHATOS | 1 semana atrás

    Deveria criar uma lei proibindo esses testemunhas de Jeová de ficar indo de casa em casa incomodar as pessoas . Com todo respeito mas eles são muito insistentes e chatos . So eles tem razão so eles terão a salvação . So a igreja deles é certa . Pelo AMOR de Deus vão trabalhar testemunhas de Jeová e parar de incomodar as pessoas e passem a respeitar as outras religiões deixem de ser arrogantes

    9 5 Responder

    Mão branca - 1 semana atrás

    Graças a Deus nunca fui abordado pó essa raça.

    2 0

  • POR QUE EVANGÉLICOS TEM ÓDIO DOS CATÓLICOS ??? | 1 semana atrás

    É muito engraçado quando tem alguma reportagem sobre igreja católica .alguns evangélicos fanáticos ficam criticando falando mal da igreja católica . E nos católicos respeitamos muito as outras igrejas . Que Deus abençoe todos

    28 9 Responder

    Patense - 1 semana atrás

    Boa tarde, sou evangélica e não concordo muito contigo nesse aspecto. Existem sim evangélicos que criticam, mas existem também aqueles que respeitam a religião do outro, até porque Deus é único, então devemos amar o próximo e respeitar acima de tudo.

    4 8

    ce cidilha - 1 semana atrás

    A Igreja Catolica é a instituição mais caridosa do mundo, semeando o amor aos mais necessitados e não o odio.

    0 0

  • Falso Profetas | 1 semana, 1 dia atrás

    Tem que cassar os alvarás das testemunhas de jeová. Enche o saco todo domingo cedo. Não deixa ninguém descansar em paz. Povo chato e insistido.

    22 7 Responder

  • P.h | 1 semana, 1 dia atrás

    Igreja amada e acolhedora, Deus tem abençoado muito

    14 12 Responder

  • N acredito | 1 semana, 1 dia atrás

    Como 130 anos ? Se Patos de minas tem.127 anos.

    9 13 Responder

    Nati - 1 semana atrás

    Bom dia! Não sou de Patos de Minas, mas para esclarecer pesquisei... De fundação 151 anos, 1868. De emancipação, 127 anos, 1892.

    10 1

  • Presbiteriano | 1 semana, 1 dia atrás

    Muito pretensiosos os comentários, Ora como opinar sobre algo que nunca conheceram, como opinar sobre o gosto de uma fruta nova? As portas estão abertas depois de conhecer aí sim vão ter conteúdo pra expor opiniões é emoções, Glória a Deus pelos 130 de presença presbiteriana em Patos de Minas!!

    17 9 Responder

  • Amanda | 1 semana, 1 dia atrás

    Parabéns a essa Igreja e seus membros. 130 anos de história, de contribuição com nossa sociedade.

    15 11 Responder

  • O bao 1 semana, 1 dia atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

carregar mais comentários