PF lança operação e vê desvio de R$40 mi da Cemig por meio da Renova Energia

As investigações remontam a contratos anteriores a 2015.

publicado em 11/04/2019,


Cemig

A Polícia Federal, a Receita Federal e o Ministério Público Federal promoveram operação nesta quinta-feira para apurar um suposto desvio de 40 milhões de reais da estatal mineira Cemig por meio de contratos falsos de sua controlada Renova Energia.

Outros contratos da empresa de energia limpa no valor de cerca de 200 milhões de reais ainda estão sob investigação, informaram as autoridades.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

Durante coletiva na sede da PF em São Paulo, o delegado Victor Hugo Rodrigues Alves disse que os indícios apontam para um esquema que teria envolvido um contrato superfaturado com a desenvolvedora de projetos eólicos Casa dos Ventos pelo chamado “projeto Zeus”.

Os recursos desviados teriam passado por cinco camadas de lavagem de dinheiro até chegarem aos possíveis destinatários finais, segundo explicou.

As investigações contaram com a colaboração de um executivo da Casa dos Ventos, um da Renova e um de uma empresa que teria sido utilizada para movimentar os recursos, a Barcelona Capital, acrescentou o delegado.

“Até o momento, o que sabemos é que os repasses eram determinados por executivos da Cemig, da Codemig e da Andrade Gutierrez — dois na Andrade, um na Codemig e um na Cemig”, acrescentou o procurador da República Vicente Mandetta.

A operação chegou a pedir sem sucesso a prisão temporária de pessoas incluindo o ex-presidente da Cemig, Djalma Bastos de Morais, e um dos fundadores da Renova, Renato do Amaral Figueiredo, segundo documento obtido pela Reuters com uma fonte a par das investigações.

A Reuters havia publicado em maio do ano passado que a Policia Civil de Minas Gerais investigava supostos desvios de recursos da Renova no projeto Zeus, com informação de uma fonte.

No nota ao mercado, a Cemig afirmou que agentes da Polícia Federal e da Receita Federal estiveram na sede da empresa, em Belo Horizonte (MG), para cumprir mandado de busca e apreensão “em razão de indícios da prática de desvios de recursos em prejuízo” da elétrica ocorridos anteriormente a 2015 na Renova.

“A Cemig esclarece que está em total colaboração com as autoridades e que também tem interesse na rápida evolução dessas investigações. A Companhia reforça o seu compromisso com a transparência e que manterá o mercado e a sociedade informados sobre a evolução desses fatos ocorridos no passado”, afirmou a companhia.

Fonte: Reuters

Postado em 11/04/2019
Compartilhe:

11 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Lavanderias Patos de Minas S/A | 4 meses, 1 semana atrás

    Quem mesmo aqui de Patos que "trabalhava" na CODEMIG? Lava Jato está chegando em Patos!

    19 1 Responder

    Agora entendi - 4 meses, 1 semana atrás

    Trabalhava não... foi politicamente nomeado para garantir continuidade dos desvios!

    5 0

  • Promotor | 4 meses, 1 semana atrás

    Vixe, sera que sobrou p nosso amigo Arlindo Porto Neto? :anguished: :see_no_evil:

    18 0 Responder

    Procurador - 4 meses, 1 semana atrás

    Ali é bagre ensaboado. Raposa velha.

    13 0

  • Albertoe | 4 meses, 1 semana atrás

    Quem não sabe que a CEMIG e a famigerada COPASA foram usadas para caixa 2 e desvio escancarado de dinheiro há pelo menos uns 30 anos, sendo que a primeira foi sucateada e a segunda foi criada não para beneficiar os municipios e ajuda-los com o controle de agua e esgotos mas para servir de fonte de dinheiro fácil de manipular. Da CEMIG não tem jeito da gente se livrar, mas aderir a COPASA foi uma grande sacanagem dos prefeitos puxa-sacos dos governantes para garantir cargos depois que saissem. Como aconteceu com todos daqui desde aquela época...todos empregados na propria CEMIG, CAMIG, COPASA, BMG e outros cabides de empregos...mamando a vontade e dando uma banana pro zé povinho que vota neles e baba ovo pra eles até hoje...tô errado?

    9 0 Responder

  • J Junior | 4 meses, 1 semana atrás

    TA VENDO PESSOAL, POR ISSO QUE NOS PAGAMOS ESSAS CONTAS DE ENERGIA ABSURDA, POIS TEM ROUBO PARA TODO LADO, COISA TA FEIA, MORO NELES.

    8 4 Responder

  • Bozo | 4 meses, 1 semana atrás

    Se não fosse o Bolsonaro, o que seria de nós?

    7 7 Responder

    Bolsominion da roça arrependido - 4 meses, 1 semana atrás

    O Bozo vai importar leite em pó e vai quebrar os fazendeiros do leite tudo. A ministra da agricultura já deu o sim. O negócio do bozo é só banqueiro.

    8 13

    Ex-tesoureiro do PT - 4 meses, 1 semana atrás

    A importação de leite é um processo que já existe há anos. Antes de vomitar sua opinião lembre-se do passado para não cair em contradição!

    7 8

    Israel - 4 meses, 1 semana atrás

    e vc acha que esse rombo veio do governo Bolsonaro? Não se esqueça que o Lula ta preso babaca

    0 0

  • J Junior | 4 meses, 1 semana atrás

    TA VENDO PESSOAL, POR ISSO QUE NOS PAGAMOS ESSAS CONTAS DE ENERGIA ABSURDA, POIS TEM ROUBO PARA TODO LADO, COISA TA FEIA, MORO NELES.

    3 6 Responder