PC apreende 3º garoto acusado de matar menor em Clínica de Patos de Minas

O menor de 15 anos teria ajudado a sufocar a vítima.

publicado em 13/10/2020, por Farley Rocha


Polícia Civil de Patos de Minas.

A Polícia Civil apreendeu na manhã desta terça-feira (13) o terceiro garoto envolvido no assassinato do adolescente de 14 anos em uma Clínica de Reabilitação, às margens da BR365, em Patos de Minas. O menor de 15 anos teria ajudado a sufocar a vítima. Um suposto estupro de outro interno teria motivado o homicídio.

De acordo com a Delegada Tatiana Carvalho Paiva, titular da Delegacia Adjunta de Menores da Polícia Civil, havia representado pela internação provisória do garoto, que foi autorizada pelo judiciário. A apreensão do adolescente de 15 anos ocorreu na manhã desta terça-feira.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Clinica Medic Imagem

Os outros dois menores, aprendidos em flagrante delito, já se encontravam internados no Centro de Internação de Menores. Eles confessaram o ato infracional. Já o menor apreendido nesta terça nega a participação.

Porém, a delegada informou que os procedimentos apuraram que os três participaram efetivamente da morte da vítima. A investigação levantou que eles teriam chamado a vítima para um piquenique. Depois, deram uma bebida para ele o que o apagou.  

Em seguida, a vítima foi levada para o quarto dela onde acabou sendo morto por asfixia. “Um segurou, outro deu um mata-leão, sendo que todos participaram”, informou. Eles já tinham desavenças por dívidas com bolachas, cigarro e outros produtos, mas o que de fato teria motivado o assassinato seria um suposto estupro de outro interno deficiente.

A delegada informou que o crime sexual não foi possível apurar, porque a suposta vítima não consegue expressar o que teria acontecido, não sendo possível fazer a constatação. Porém, isso poderá ser alvo de apuração.

A Polícia Civil reiterou seu compromisso com a repressão e combate à criminalidade e solicita apoio dos cidadãos, que podem denunciar de maneira anônima através dos números 181, 197, ou pessoalmente nas unidades policiais.

Autor: Farley Rocha Postado em 13/10/2020
Compartilhe:

14 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes, fake news ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve-se ter ciência de que poderá ser responsabilizado cível ou criminalmente!

Os comentários que receberem 100 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Lucifer | 1 semana, 1 dia atrás

    Boa bisca não era .Entao é menos um demônio pra atentar .

    0 0 Responder

  • Arqueiro Verde | 1 semana, 2 dias atrás

    O defunto, os assassinos, tudo gente boa.

    1 0 Responder

  • Verme | 1 semana, 2 dias atrás

    E simplismente expendido .

    0 0 Responder

  • Kenny | 1 semana, 2 dias atrás

    Parabéns a PCMG e a PMMG pelos trabalhos prestados ao povo Mineiro...

    1 1 Responder

  • Joli | 1 semana, 2 dias atrás

    Olha eu mesmo já fiz trabalho comunitário nesses lugares então os adolescentes reclamam q até fome.passa e q os q tomam conta deles até batem uns que parente nunca vai visitar passa grande aperto nessas clínicas de meia tigela daqui d patos isso td são uma cria só ora ficar ricos nas costas das famílias e outros. Só sei que familiares são tds enganados que realmente acontece lá dentro.obvio que eles culparao o menino q faleceu de estilo mesmo .Porq o cadeirante não sabe falar ,muito fácil ou vcs tem dúvida disso.eu tenho certesa que tem.muita coisas ainda por traz disso.



    2 2 Responder

  • Fabim Fumaça | 1 semana, 2 dias atrás

    Tem caroço neste angu. Pode esmiuçar esta historinha aí que sai coelho desta cartola.

    0 0 Responder

  • Kim joung un | 1 semana, 3 dias atrás

    Da muito certo a reeducação por trabalhos forcados

    5 3 Responder

  • Joli | 1 semana, 3 dias atrás

    Não acredito nosso q é bem assim.nao tem algo mais ,muita coisa escondida nessa história

    6 3 Responder

  • Credo | 1 semana, 3 dias atrás

    Credo, não sei como as famílias tem coragem de internar seus familiares em um inferno desse. É muita falta de amor pela família. Essas clínicas é pura fachada, não tem tratamento adequado, é só pra tomar dinheiro da família que fica doida pra ficar livre do parente dependente químico.

    8 11 Responder

  • Daniel Cientista | 1 semana, 3 dias atrás

    Nóia matando nóia. Cão comendo cão.

    10 1 Responder

  • Siqueiro | 1 semana, 3 dias atrás

    Daqui três anos esses vermes tão na rua de novo.

    12 3 Responder

    Lindolfo Vaz de Oliveira - 1 semana, 3 dias atrás

    Com uma especialidade nos crimes de maior poder. Ai nesses locais so faz o bandido crescer na criminalidade.nao apreende faz nada. Pois tem tudo. Onde ja viu entrar cigarro nesses locais. Quando os safados dos comunista dizer que um vagabundo faltando 30 segundo pra completar 18 anos nao sabe o que esta fazendo e errado nos estamos fundidos. Mais pra matar eles sabe e furtar, roubar.

    8 3

  • PAPALA PILANTRA | 1 semana, 3 dias atrás

    Sao so os magnatas envolvidos,ainda mais esse wilson papala internando os outros e manipulando famílias para colocar sua família em lugares como esse e ele vai ficando cada vez mais rico

    19 4 Responder

  • justica certa. | 1 semana, 3 dias atrás

    parabens a policia civil. a populaçao agradece vamos tirar esses marginais da sociedade.

    26 2 Responder

carregar mais comentários