349669 2216 Ok
Publicado em 03/01/2017
Compartilhe:

Para análise, Prefeito José Eustáquio suspende nomeação de dezenas de servidores

O decreto aponta ilegalidades na nomeação dos novos servidores e falta de verba da Prefeitura Municipal.

O Prefeito José Eustáquio emitiu um decreto suspendendo as nomeações.

Dezenas de servidores convocados nos últimos dias de 2016 para se apresentarem à Prefeitura Municipal e tomarem posse em seus cargos terão que esperar um pouco mais. O Prefeito José Eustáquio emitiu um decreto suspendendo as nomeações. O decreto aponta ilegalidades na nomeação dos novos servidores e falta de verba da Prefeitura Municipal.   

São servidores de vários setores da administração municipal. A lista vai de Médicos, técnicos de enfermagem, a Professores de Educação Física e Professores Apoio. Ao todo, seriam 89 servidores, a maioria da educação, que fizeram o último concurso da Prefeitura Municipal e já haviam recebido a correspondência para tomarem posse nos cargos.

A justificativa do Prefeito José Eustáquio é que a convocação foi feita de última hora sem ser feito um estudo para avaliar a real necessidade e capacidade do Município em pagar os novos servidores. No decreto que suspendeu as nomeações, ele avalia que o momento é de cortar gastos visto que a estimativa da dívida deixada pela administração de Pedro Lucas é de R$76.225.281,00.

As nomeações ainda estariam contrariando a legislação que proíbe o aumento nos gastos públicos com pessoal nos últimos 180 dias do final do mandato. O Prefeito ainda justifica a suspensão dizendo que as nomeações ultrapassariam o gasto limite estabelecido em lei para as despesas com servidores.

Vários servidores já haviam feito os exames de saúde necessários para a nomeação. Com o decreto, eles deverão esperar um pouco mais até sair a análise que vai apontar a viabilidade das nomeações. No decreto 4.257 de 3 de janeiro de 2017, José Eustáquio já pede que seja iniciada o estudo. 

O decreto foi publicado nesta terça-feira (03).
Postado em 03/01/2017
Compartilhe:

53 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Camila | 11 meses, 1 semana atrás

    Acho engraçado que para pagar pessoa de cargo de confiança com salários altíssimo a prefeitura tem, e para pagar os concursados não. Poderia convoca-las para fazer o serviços destas pessoas que muitas das vezes eles ate inventa cargos para elas. E com o salario do concurso, tenho certeza que iriam economizar muuuuito mais.

    1 1 Responder

    Povo - 11 meses, 1 semana atrás

    Exatamente, na saúde e educação pode cortar p/economizar, mas nos privilégios deles ninguém mexe. Quero ver, se não vai chamar os concursados vai chamar quem então?Vai deixar os alunos sem aulas, os postos sem médicos e enfermeiros?Pior que vai e o povo que se lasque, falta de vergonha, cortar gastos que atinge diretamente o povo e ter coragem de colocar três assessores p/ cada vereador(isso num tem gasto ne), eu acho que esse prefeito deveria visitar a UPA e ver o quanto idosos, gente doente fica lá esperando por atendimento por horas e horas, falta de humanidade dessa corja!

    0 1

  • brasileiro não tem memoria curta | 11 meses, 1 semana atrás

    isso não e novidade nenhuma!! nosso querido prefeito a uns dez anos atras em outra gestão fez um concurso publico para guarda municipal, mas não chamou ninguém e veio a publico dizer que nenhum dos aprovados tinha perfil para o cargo , estranho que depois de um ano passei no concurso da policia e tive perfil para pm , nem todos os brasileiros tem memoria curta

    5 0 Responder

    Eu não sabia - 11 meses atrás

    Eu moro aqui em Patos a 55 anos e não sabia que o prefeito atual já teria sido prefeito a dez anos atráz. Depois é eu que tenho memória curta. Ou não sei diferenciar cargos.

    0 0

  • Sasa mutema | 11 meses, 1 semana atrás

    Por onde andas o ministério publico ?

    5 0 Responder

  • Complicado | 11 meses, 1 semana atrás

    Nesse angu tem caroço nao ta dando pra entender nada ese ze ...

    6 0 Responder

  • Trabalhando muuuito | 11 meses, 1 semana atrás

    Nos que trabalhamos na upa sabemos como estamos trabalhando, e alguns comentários acima dizendo que não fazemos nada, seus familiares depende de nós técnicos e outros servidores da área de saúde vc chega lá e só quer saber de ser atendido não procura saber como estamos trabalhando, pouquíssimos funcionários e pagando extra sempre quase todos os dias, afinal de contas qual vc acha que é mais barato e justo chamar os concursos,que está faltando funcionários isso está isso pode ser provado não chamar então porque??? Estranho isso não?

    12 1 Responder

  • ítim | 11 meses, 1 semana atrás

    lagoa formosa´´´´´´ manda seu perfeito pra cá por favor´´´´´urgente´´

    15 5 Responder

  • Até nunca mais pedrin | 11 meses, 1 semana atrás

    Tá mais que claro que a inteçao do Pedrin era chamar o máximo de pessoas até chegar nos piores colocados que seriam parentes , amigos, apoioadores e conhecidos!

    3 17 Responder

  • e ai | 11 meses, 1 semana atrás

    que tal diminuir os vereadores? tem 17 desocupados na câmera sem fazer nada?

    33 1 Responder

    Excontratada - 11 meses, 1 semana atrás

    Além de diminuir os vereadores também diminua seus salários e dos cargos comissionados o que aliás esses sim 90% não fazem nada. Ficam o dia inteiro ouvindo ratinho e conversando fiado atrapalhando aqueles servidores trabalhadores. O pessoal principalmente concursados trabalham pra caramba. Lógico como qualquer empresa tem os puxa sacos que morcegam muito mas em sua maioria tem os que realmente dão o sangue pelo trabalho. Então Zé esses atoas são os que prejudicam esse saldo devedor. Há outra coisa também. Se o coletivo permite integração e só é cobrado um centavo, porque colocar 4 vezes o valor da passagem diária? Outro rombo no faturamento municipal. Analise bem o que deve ser cortado. Queremos resposta. Não faça como o antigo prefeito por favor.

    4 1

  • Mais velho | 11 meses, 1 semana atrás

    Não precisa contratar nenhum servidor é só ameaçar fazer igual o prefeito de BH aí vocês veram um servidor fazer o serviço de 3 , igualmente acontece nas empresas privadas

    11 14 Responder

  • Vamos pensar gente!!!! | 11 meses, 1 semana atrás

    Como já foi sitado nos comentários, a convocação foi feita na ultima semana do Pedro Lucas. Porque não foi feita antes se realmente era necessário? :grimacing: :facepunch: Outra questão é contratar e não acertar o salário destes contratados, o que vai dar na mesma de estar desempregado; e eles não vão trabalhar se não receberem. Isso não muda a situação!!!! :+1: :wink: Quanto ao aumento de salário de políticos, realmente concordo que se existe divida não poderia ter aumento. Mas essa aumento já havia sido dado no governo anterior. Agora se o atual prefeito solicitar baixa de salario de político, me responde qual deles vai aprovar??? :smirk: Mas se fosse você gostaria de ser contratado para trabalhar sem salário, ou se fosse para abaixar o seu salario concordaria????? :clap: :clap: :clap: :muscle: Vamos pensar Patenses!!!!!!!!! :sleeping:

    6 7 Responder

    Concursado - 11 meses, 1 semana atrás

    A convocação foi feita na ultima semana, porque antes da efetivação dos concursados era preciso aguardar o final do período letivo, senão seria necessário gastos extras cm contratação p/os ultimos dias letivos. Me diz quem vai ocupar a vaga dos professores em aberto?Mais contratos?Se existe vaga em aberto e concurso em processo os contratos são ilegais.

    14 1

    Justo - 11 meses, 1 semana atrás

    Salário tem que ser compatível com a função no caso dos vereadores R$3.000,00 é mais do que os serviços deles vale

    18 0

carregar mais comentários