349669 2216 Ok
Publicado em 30/11/2017 por Farley Rocha
Compartilhe:

MP denuncia Deiró Marra e Júlio Elias, atual e ex-prefeito de Patrocínio, por corrupção

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) denunciou por crime de corrupção ativa o prefeito e, por crime de corrupção passiva, o ex-prefeito de Patrocínio.

Deiró Moreira Marra - atual prefeito de Patrocínio e Júlio César Elias Cardoso - Ex prefeito de Patrocínio.

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) denunciou por crime de corrupção ativa o prefeito e, por crime de corrupção passiva, o ex-prefeito de Patrocínio.

Em 2007, o atual prefeito, Deiró Moreira Marra, ofereceu um milhão de reais para que a empresa que na época era dele e da família vencesse a licitação para a concessão de transporte coletivo urbano.

O ex-prefeito, Júlio César Elias Cardoso, então direcionou o resultado, incluindo no edital uma cláusula restritiva, e recebeu um milhão de reais por favorecer a empresa do atual prefeito - a Viação Cidade de Patrocínio Ltda., antiga Viação Cidade Paraíso.

A Procuradoria Especializada no Combate aos Crimes de Prefeitos, do MPMG, passou a investigar após receber documentação do Ministério Público do Paraná (MPPR), Gaeco e Gepatria/Guarapava.

Os paranaenses identificaram a fraude em Patrocínio quando investigavam uma organização criminosa que atuava nos procedimentos licitatórios para concessão de serviço público de transporte coletivo urbano envolvendo vários municípios do país.

Um dos envolvidos nos crimes, ao depor em acordo de delação premiada formalizado com o MPPR, informou que o atual prefeito de Patrocínio teria lhe encomendado um edital para fraudar a licitação.

O ex-prefeito, que teve a prisão preventiva decretada por obstruir as investigações da Procuradoria Especializada no Combate aos Crimes de Prefeitos, confessou ao MPMG ter recebido o dinheiro do atual prefeito de Patrocínio para fraudar o processo licitatório.

O ex-prefeito responde como incurso no artigo 317 e o atual prefeito nas penas do artigo 333 do Código Penal.

Fonte: MPMG

Autor: Farley Rocha Postado em 30/11/2017
Compartilhe:

11 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Rafael Costa | 1 semana, 3 dias atrás

    Patrocínio já pode pedir música no Fantástico

    2 0 Responder

  • Pomi | 1 semana, 4 dias atrás

    Chupa, a casa caiu, não esperava ser investigado por MP de outro estado kkkkkk. Vai tomar naquele lugar que tem a palavra oxítona monossilábica terminada em u. Kkkkkkk

    0 0 Responder

  • Cidadão patense | 1 semana, 5 dias atrás

    Trocamos o nosso prefeito e os conselheiros de ex-prefeito de Patos com vocês nestes dois malas aí. De sobra ainda iremos dar de presente um secretário puxa saco. Kkkkkkkkkkkkkkkkkk

    1 0 Responder

  • Flávio | 1 semana, 6 dias atrás

    Bandido bom e bandido morto!!!!! Raça maldita dos inferno.........

    5 0 Responder

  • Pedro Pedreira | 1 semana, 6 dias atrás

    Porque a Pássaro Branco detém a concessão do transporte público coletivo de Patos de Minas por tempo eterno?

    10 1 Responder

    ze do zeca - 1 semana, 6 dias atrás

    Lava jato neles!

    5 1

    Toma lá dá cá - 1 semana, 6 dias atrás

    Está empresa se perpetuou em Patos, cadê o MP queremos licitação! O dono desta empresa acha que é dono do mundo. Entre os homens seu dinheiro fala alto mas lembre cabeludinho um dia será julgado por Deus. Ouça a música o último julgamento. Fica a dica.

    4 1

  • Rogério | 1 semana, 6 dias atrás

    Esse Deiró é um malandro de primeira !! Contratou uma empresa de São Gotardo para fazer uns terreiros de café em sua propriedade e não pagou a empresa. Ele e seu irmão forma uma quadrilha de primeira categoria, agora está aí para todos ver !! Boa sorte amigão que ganhe em dobro tudo que fez de ruim com os outros.

    8 0 Responder

    Flávio - 1 semana, 6 dias atrás

    Levasse um tombo desse. Essa miséria iria pra vala.....

    2 0

  • cumedo de queijo | 2 semanas atrás

    OS PREFEITOS DE TODOS OS MUNICIPIOS FALSIFICAM LICITAÇOES

    6 2 Responder

  • TRANSPORTE | 2 semanas atrás

    Porque estes órgãos fiscalização a corrupção não pegam o antigo DER-MG por corrupção onde altos empresários do setor sediado em Belo Horizonte e ramificado em quase todas cidades do interior na fraude da renovação da concessão por 28 anos das linhas intermunicipais com caixinha de 28.000.000,00 (vinte e oito milhoes) além do metropolitano que tambem foi fraudado. E só apertar os pequenos empresários que quebraram e vai aparecer a bomba.

    11 0 Responder

  • CEBOLINHA | 2 semanas atrás

    Mas que lambança heim seu Deiró? Agora vai levar no ...?

    15 0 Responder