349669 2216 Ok
Publicado em 09/11/2016
Compartilhe:

Moradores voltam a protestar contra aumento de salários na Câmara Municipal de Guimarânia

Segundo o manifesto emitido pelos moradores, os reajustes aprovados na Câmara elevam os salários dos vereadores em 12%.

Na noite dessa terça-feira (08) eles foram até a sede do legislativo, mas novamente encontraram o local fechado.

Moradores de Guimarânia não parecem dispostos a engolir calados os aumentos de salários de vereadores, secretários, prefeito e vice-prefeito aprovados na Câmara Municipal. Na noite dessa terça-feira (08) eles foram até a sede do legislativo, mas novamente encontraram o local fechado, sem a presença dos vereadores.

A Câmara Municipal de Guimarânia se reúne uma vez por mês, geralmente na primeira terça-feira de cada mês. Na semana passada, um protesto foi marcado, mas a reunião foi cancelada. Leia mais! Ontem novamente os manifestantes foram até a sede da Câmara e mais uma vez os vereadores não compareceram.

“Infelizmente os representantes do povo vêm apresentando manobras, para evitar o enfrentamento com a população. Mesmo o Executivo tendo enviado projetos de lei para a apreciação dos senhores vereadores, como relataram alguns populares, eles simplesmente ignoraram o povo mais uma vez”, diz a nota enviada pelos manifestantes.

“Além disso, nem sinal da apreciação do projeto de iniciativa popular que foi protocolado na semana passada”. Mesmo com a ausência dos vereadores, os presentes reafirmaram o compromisso de comparecer na próxima semana, e que não vão desanimar até que uma nova reunião ordinária seja marcada.

Imagens atualizado em 09/11/2016 • 4 fotos

Segundo o manifesto emitido pelos moradores, os reajustes aprovados na Câmara elevam os salários dos vereadores em 12%, passando de R$ 3.818,00 para R$ 4.300,00. Os salários dos secretários foram reajustados em 38% também chegando aos R$ 4.300,00. Para o prefeito e o vice-prefeito, os reajustes foram ainda maiores, 73% e 51% respectivamente. O salário do vice-prefeito de Guimarânia passou de R$ 4.972,00 para R$ 7.500,00. Já o salário do prefeito que era de R$ 8.676,00 pulou para R$ 15.000,00.

A redação do Patos Hoje entrou em contato com a Câmara Municipal de Guimarânia e foi informada que não havia reunião agendada para essa terça-feira (08).

Autor: Maurício Rocha

Clínica Impar - Início: 21-08-17
Postado em 09/11/2016
Compartilhe:

4 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Pai Vaca | 10 meses, 2 semanas atrás

    Esse povo de Guimarânia merece o nosso respeito. Mas, a população de Patos de Minas é uma vergonha pra todos.

    1 0 Responder

  • leafar | 10 meses, 2 semanas atrás

    Chegou a hora da população, entrar com uma ação judicial, no MPF, pedindo que seja extinta todas as câmaras municipais no Brasil; eles estão lá para fiscalizar o executivo, quando o prefeito tem maioria ele faz o que bem entende, as contas do município tem que passar pelo crivo do Tribunal de Contas, então me diz qual é a utilidade de um vereador..., dar nomes em ruas, isto não precisa de "Vereador"!

    1 0 Responder

  • Boneco | 10 meses, 2 semanas atrás

    Minha opinião que os vereadores desta cidade eles nem deveria ter remuneração porque e uma reunião por mês e pelo visto quando tem , porque como cita na reportagem eles não tem compromisso nem com trabalho nem com a população que os elegeram. O povo ta certo tem cobrar mesmo e exigir deles ao menos explicação,. E os eleitores de todo Brasil quando tiver eleição saibam escolher seus representantes.

    7 0 Responder

  • Realista | 10 meses, 2 semanas atrás

    Realmente esses vereadores devem ter muita culpa no cartório pra sumirem assim, deve haver muita coisa por trás disso.......Se mostrem honestos, Srs vereadores, e enfrentem a população, eles precisam de uma resposta, afinal graças a eles q vcs estão aí....

    6 0 Responder

  • mao branca | 10 meses, 2 semanas atrás

    Tem um cidadão de contendas que a muitos anos mudou para guimarania. Já é a sexta reeleição seguida dele como vereador. Já tá mega milionário, se for medir as forças na parte financeira o lulinha passa aperto com ele. :cop: :muscle:

    5 3 Responder

  • Perito | 10 meses, 2 semanas atrás

    Agora fala sério, pra que salário pra VICE? Se ele exercer alguma atividade, até vá lá, o valor da atividade exercida. Mas ter salário definido, isso nunca que poderia ter. O vice é um step, se precisar será acionado, senão fica lá de enfeite, só. É uma lei que precisariam realmente considerar, o vice só terá salário e compatível com as atividades exercidas quando fizer essas atividades, não deveria ter salário definido. Agora esse povo de Guimarânia tem que ficar duro, assim eles conseguem retroagir essa lei "ordinária".

    10 1 Responder

  • pesroalvarescabral | 10 meses, 2 semanas atrás

    Enquanto que ,aqui em patos o povo diz AMÉM!!!

    13 0 Responder

  • mao branca | 10 meses, 2 semanas atrás

    Tem que ... da camara e dar um cacete nesses "vereadores" cara de pau. CRia vergonha nessa...

    9 0 Responder

  • lagoense feliz | 10 meses, 2 semanas atrás

    Na minha modesta opinião , os políticos desta cidadezinha estão precisando é serem banidos da cidade e de preferência de CARBURÃO , pois estão metendo a mão no dinheiro público na cara dura.jsf

    9 0 Responder