349669 2216 Ok
Banner CNA - TOPO
Publicado em 07/03/2017
Compartilhe:

Moradores tentam tirar poste instalado pela Cemig em frente à garagem também no Vila Rosa

Na época a garagem não estava coberta, mas a dona Bárbara disse que não imaginou que o poste seria instalado bem em frente ao portão.

 O poste ficou bem em frente à garagem.

O Patos Hoje mostrou recentemente o caso da dona Maria de Fátima Souza que vem tentando há mais de 20 anos fazer com que a Cemig retire um poste de madeira da frente de seu portão. O caso chamou a atenção de outros moradores que enfrentam o mesmo problema. O poste ficou bem em frente à garagem.

A casa fica na rua Santa Rosa, no bairro Vila Rosa. A dona Bárbara, que hoje se recupera de uma cirurgia, disse que estava em casa quando os funcionários da Cemig disseram que iriam instalar um poste em frente sua residência. Ela só não espera que seria ali, bem em frente ao portão de entrada da casa.

Na época, a garagem não estava coberta, mas a dona Bárbara disse que não imaginou que os funcionários da Companhia instalariam o poste bem em frente ao portão como aconteceu. Desde então, ela vem tentando junto a Cemig promover a retirada do poste do lugar. Entretanto, assim como aconteceu com a dona Maria de Fátima, ela também recebeu um orçamento da Companhia para cobrir as despesas e pelo serviço, na época, cinco anos atrás, de R$ 800,00.

A dona Bárbara disse que não tem condições de pagar pela retirada do poste. Enquanto isso, os moradores da casa têm que conviver com incômodo e com os prejuízos. Entrar na garagem exige habilidade e, segundo ela, já ocorreram esbarrões no poste de concreto e danos aos veículos da família.

Imagens atualizado em 07/03/2017 • 4 fotos

Ela disse que já recebeu inúmeras promessas de políticos para resolver o problema e nada. “Na época da eleição eles vêm. Passou a eleição somem”, reclama a dona de casa. Ela ainda tem esperanças de que um dia o problema seja resolvido.

A explicação da Cemig para estes casos é de que o lugar de instalação dos postes é definido pela Prefeitura e que toda modificação deve ter os custos pagos pela parte interessada.

Autor: Maurício Rocha

Clínica Impar - Início: 21-08-17
Postado em 07/03/2017
Compartilhe:

4 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • lazaro borges | 7 meses, 2 semanas atrás

    Pra que garagerm,as vezes nem carro tem,estou a favor do poste. parabens a cemig....

    0 7 Responder

  • Buau | 7 meses, 2 semanas atrás

    A solução é os moradores soltarem pombas brancas na frente da igreja..

    6 1 Responder

  • Chacall Originall | 7 meses, 2 semanas atrás

    Pessoa é fácil de resolver essa pendenga. Vale lembrar que não é proibido ter uma duas ou até três garagens em frente as suas casas. Basta ter dinheiro e construir. Solução; bosta que os abestados da Cemig e Prefeito arrancar e colocar o poste a 3 metros acima da garagem. Fácil não????? Fica a Dica

    3 9 Responder

    K GADO - 7 meses, 2 semanas atrás

    Caramba!!! O que você quis expressar em teu comentário?? Não entendi nada..

    10 0

  • calango | 7 meses, 2 semanas atrás

    em lagamar mg tanbem tem este msm poblema eu so não me lembro o numero mas fica na rua araxá bem aulado de uma mecearia se duvidar pode verificar e ver se estol mentindo.

    2 6 Responder

  • Chacall Originall | 7 meses, 2 semanas atrás

    Não concordo com comentário maldoso, cruel e fofoqueiro abaixo. Se a dona maria tem casa no fundo do quintal o que o fofoqueiro tem haver com isso. Essa pessoa que fica condenando dona Maria parece advogado do demônio. Se o cara não deu um centavo praa construir então não ajuda a destruir com comentários maldosos. A quele velho ditado pimenta nos olhos dos outros e refresco né.

    3 1 Responder

  • Onovick | 7 meses, 2 semanas atrás

    Nossos administradores tem que se mostrar mais presentes e exigir cumprimentos de regras. Para quem não sabe, a Cemig é só mais uma empresa como tantas outras que ganha dinheiro dos cidadãos patenses, vendendo seu produto (energia elétrica). Fora isso, ela não é melhor que ninguém. Não goza de nenhum privilégio. Em muitas cidades, é cobrado da Cemig IPTU por cada poste fincado na via pública. E esta cobrança é muito justa para o município. A Cemig não faz graça para ninguém, só visa lucro. Não interessa se o imóvel foi construído antes ou depois da instalação do poste, o que interessa é o bem estar do cidadão. Pra isso temos administradores públicos.

    3 0 Responder

  • tio | 7 meses, 2 semanas atrás

    Na foto 2 mostra duas garagem. Certamente a segunda foi feita depois da instalação do poste.

    5 1 Responder

    Cidadã - 7 meses, 2 semanas atrás

    Acho que você ainda não aprendeu a ler.

    0 0

  • kkkk | 7 meses, 2 semanas atrás

    Se fosse na porta de um Prefeito ou algum orgão superior da prefeitura aposto que eles já tinham tirado a muito tempo.

    25 0 Responder

  • lobo solitário | 7 meses, 2 semanas atrás

    as vias judiciais nessa hora podem ajudar a senhora. :hammer:

    22 1 Responder

    Justiceiro - 7 meses, 2 semanas atrás

    A UNIPAM tem um nucleo de praticas juridicas que pode fazer esse trabalho gratuitamente. Procure o pessoal no Bloco C da faculdade.

    11 1

  • PEDRO PEDREIRA | 7 meses, 2 semanas atrás

    Se os moradores unirem todas as suas forças em um abraço apertado ao redor do poste, quem sabe conseguem arrancar o poste na marra.

    11 18 Responder

carregar mais comentários