Publicado em 04/10/2018 por Farley Rocha
Compartilhe:

Justiça determina que Mitra Diocesana e Prefeitura Municipal reparem Igreja de Santana

Tanto a Mitra Diocesana quanto a Prefeitura Municipal têm um prazo de 60 dias para tomar as providências.

A Igreja Matriz de Santana foi construída no distrito de Santana de Patos no século XIX, em meados de 1820.

A Justiça determinou liminarmente a recuperação e proteção da Igreja Matriz de Santana de Patos, imóvel tombado pelo Patrimônio Histórico de Patos de Minas. O juiz da 3ª Vara Cível da Comarca de Patos de Minas, Tenório Silva Santos, entendeu que há risco iminente de deterioração e determinou que a Mitra Diocesana e a Prefeitura Municipal de Patos de Minas tomem medidas para evitar a ruína em 60 dias.

A ação foi iniciada pelo Ministério Público, através da Promotora de Justiça Vanessa Dosualdo que vem trabalhando há cerca de 5 anos para resolver o problema. Na liminar, o juiz entendeu que há risco iminente de deterioração da igreja e suas obras. Dois esteios comprometidos da igreja estão escorados para garantir a estabilidade e há cupins por todo o imóvel. Diante disso, ele decidiu que deve ser feita a descupinização de toda a igreja e seu entorno, bem como da praça, e tomem medidas para proteger os elementos artísticos como altares e arco cruzeiro e piso ladrilho hidráulico e outros elementos contra agentes externos.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––

Um profissional habilitado também deve ser contratado para avaliar a firmeza das escoras provisórias. No julgamento, o magistrado analisou que o relatório apresentado pelo IEPHA- Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais havia cobrado medidas para evitar a deterioração, mas após 1 ano, não houve notícias de quaisquer intervenções na obra.

Tanto a Mitra Diocesana quanto a Prefeitura Municipal têm um prazo de 60 dias para tomar as providências. Uma audiência de conciliação foi designada para o dia 23 de novembro.

A Igreja Matriz de Santana foi construída no distrito de Santana de Patos no século XIX, em meados de 1820, antes do nascimento de Patos de Minas. O estilo arquitetônico e artístico da construção é da última fase do barroco mineiro. Com importante significado e valor histórico, a Matriz de Santana foi tombada pelo Patrimônio Histórico do Município. Mas isso não garantiu a proteção da estrutura.

Autor: Farley Rocha Postado em 04/10/2018
Compartilhe:

14 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Augusto | 2 semanas, 1 dia atrás

    Caiu na mão do Jenes do Museu aí não anda

    0 0 Responder

  • Tita Preta | 2 semanas, 1 dia atrás

    O problema é que o Vaticano só leva grana. Não manda nada em troca.

    1 2 Responder

  • Elcio | 2 semanas, 1 dia atrás

    Com toda a pompa em roma e mesmo nas dioceses, a igreja católica continua como sempre onerando seus fieis e cobrando por tudo que faz. Só pedindo e estimulando a caridade de seus fieis mas ela mesma só cuida de si e de seus gordos e abastados frades por todo o mundo. A catedral está sendo reformada às custas do povo de Patos que a construiu e contribui para mante-la pagando por batisados e até por missas de encomendação...sem citar crismas, casamentos etc. E os pobres fieis promovendo quermesses, rifas etc. para encher as burras da igreja. A fé cega mesmo...isso acontece com todas as religiões desde que o mundo é mundo...que dizer do Edir Macedo que explora seus fieis e vive num palácio? Acho que é um mal necessário para impor restrições ao povo , senão a revolta contra a exploração dos mais ricos seria implacável...como já aconteceu na história humana...um dia a casa cai...

    3 6 Responder

  • católico desolado | 2 semanas, 1 dia atrás

    Seria interessante que as autoridades católicas tivessem algum projeto de sustentação dessa igreja, pois, pelo que sei Santana de Patos é um distrito pobre e sem muitas perspectivas de futuro. Como essa igreja é histórica, não seria viável, por exemplo, estabelecer nessa igreja MISSAS EM LATIM (MISSAS TRIDENTINAS) uma vez por mês?! As missas em latim - missas tridentinas - atrairiam pessoas de Patos e de outras cidades cujos fieis poderiam com as ofertas da missa sustentar a igreja. Outra coisa que poderia também ser feita - se isso for permitido pelas leis da Igreja - seriam apresentações/concertos de música sacra, canto gregoriano na igreja com ingresso e valor revertido para sustentação da igreja; repito, se isso for permitido pelas leis da Igreja. :musical_note: :angel: :church:

    10 1 Responder

  • católico desolado | 2 semanas, 1 dia atrás

    Espero que os responsáveis não esperem chegar as chuvas para fazer alguma coisa, pois aí o trabalho de recuperação da igreja ficaria ainda mais difícil, senão impossível. :umbrella:

    5 0 Responder

  • católico desolado | 2 semanas, 1 dia atrás

    :cry: A situação dessa igreja histórica é apenas uma exteriorização da desolação espiritual em que se encontra a religião católica nestas paragens. :see_no_evil:

    4 0 Responder

  • Santanense | 2 semanas, 1 dia atrás

    É só o padre de Santana parar de levar o dinheiro que é arrecadado para cruzeiro da fortaleza.

    2 0 Responder

    católico desolado - 2 semanas atrás

    Por que a comunidade de Santana não pede ao bispo para criar uma paróquia própria para Santana??? Não vejo sentido em uma comunidade que pertence a um município estar ligada a uma paróquia que é de outro município!!!

    1 0

  • Hernesto | 2 semanas, 1 dia atrás

    Eu entendo que é uma obra histórica mas no entanto e uma igreja católica , e portanto pertence ao catolicismo ( Vaticano) então o que a prefeitura tem haver com isto a igreja católica e bilholionaria e cabe a ela reformar seus templos..

    9 3 Responder

    E verdade - 2 semanas, 1 dia atrás

    E verdade

    7 4

    João - 2 semanas, 1 dia atrás

    Não sei se os senhores sabem, imagino que sim, pois já foi divulgado isso. A Igreja em questão é tombada pelo patrimônio histórico. Portanto para fazer a restauração é necessário que tudo que todos os projetos sejam aprovados pela prefeitura. Entendeu?

    7 1

    Hernesto - 2 semanas, 1 dia atrás

    A prefeitura aprova e a igreja católica paga isto é o certo..

    1 0

    karlim preto - 2 semanas, 1 dia atrás

    A partir do momento que o imóvel é tombado pelo Patrimônio Histórico, a responsabilidade passa a ser também do Município.

    2 0

    João - 2 semanas atrás

    Não foi a Igreja que pediu o tombamento.Isso parte do poder público. É claro que é responsabilidade da Igreja. Porém se a prefeitura não fizer a parte dela, a Igreja não pode fazer nada.

    2 0