Justiça determina que Governo faça a duplicação da BR 365 entre Patos de Minas e Uberlândia

A informação foi publicada primeiramente pelo G1 Triângulo Mineiro.

publicado em 18/05/2020, por Maurício Rocha


O trecho entre Patos de Minas e Uberlândia tem cerca de 220 quilômetros e é marcado por muitas tragédias.

O Governo Federal e o DNIT deverão reservar recursos no orçamento da União de 2022 para realizar as obras de duplicação da BR 365 entre Patos de Minas e Uberlândia. A Justiça Federal acatou os principais pontos do pedido feito pelo Ministério Público Federal para a realização da obra. A informação foi publicada primeiramente pelo G1 Triângulo Mineiro. 

A decisão do juiz José Humberto Ferreira da 2ª Vara Federal Cível e Criminal da Subseção Judiciária de Uberlândia foi publicada na última quarta-feira (13). Nela, o magistrado considera o grande fluxo de veículos em decorrência da produção agrícola da região e também o elevado número de acidentes de mortes registrados na rodovia. 

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

“Por tais razões, e mais que dos autos consta, julgo parcialmente procedente o pedido inicial para determinar à União e ao DNIT que procedam à inclusão, nos respectivos orçamentos para o ano de 2022, de recursos orçamentários específicos necessários à duplicação da BR-365, entre os Municípios de Uberlândia e Patos de Minas”, decidiu o juiz José Humberto Ferreira. 

O pedido do Ministério Público Federal é para que o Governo Federal e o DNIT adotem medidas dentro de 60 dias para lançar o edital para a realização da obra. O trecho compreendido na decisão judicial entre Patos de Minas e Uberlândia tem cerca de 220 quilômetros e é marcado por muitas tragédias. 

O número de acidentes e mortes na BR 365 é um dos principais pontos relatados pelo Ministério Público Federal na ação. Recentemente, uma batida envolvendo um veículo de passeio, um ônibus da Gontijo e uma carreta tirou a vida de quatro pessoas. O ônibus e o caminhão pegaram fogo. 

No ano passado, o Ministério Público Federal ajuizou outra Ação Civil Pública para fazer com que o DNIT inclua no projeto de duplicação da BR-365, entre Uberlândia e Patos de Minas, uma via marginal paralela para pedestres, destinada especialmente aos romeiros que percorrem a pé trechos da rodovia até a cidade de Romaria (MG), onde é celebrada a importante festa religiosa em louvor a Nossa Senhora da Abadia.

Autor: Maurício Rocha Postado em 18/05/2020
Compartilhe:

29 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Anjo | 5 dias, 18 horas atrás

    Se nem os buracos da 354 conseguem tapar, imagina fazer uma duplicação? Esperem sentados até um próximo presidente de verdade assumir a presidência, com esse aí já era, acabou!

    0 6 Responder

  • São Tomé | 5 dias, 22 horas atrás

    SERÁÁÁÁÁ?

    0 2 Responder

  • "Ta serto" | 5 dias, 22 horas atrás

    Até que enfim :pray:

    4 0 Responder

  • Neguites | 6 dias atrás

    Ê incrível essa justiça Brasileira, em plena pandemia com o governo gastando o que não tem, dinheiro para Estados com governos corruptos e agora a justiça quer que o governo Federal gaste bilhões para duplicação de uma via, que os acidentes são culpa dos usuários! Tamos fudido!s!

    2 5 Responder

  • Frouxo | 6 dias, 2 horas atrás

    Então tá bão seu juiz.

    2 2 Responder

  • diogo | 6 dias, 12 horas atrás

    rapaz, agora patos uberlandia em 1 hora vai virar realidade em kkkkkkkkkkkkkkkk

    3 4 Responder

  • Patureba em Uberlândia | 6 dias, 13 horas atrás

    Se ativismo judicial resolvesse alguma coisa... só pra inglês ver.

    8 1 Responder

  • Correto | 6 dias, 14 horas atrás

    Eu já vou pelo lado da razão. Que tal os pessimistas de plantão serem mais otimistas e torcerem de coração para essa duplicação ocorrer o mais rápido possível? Isso vai preservar muitas vidas,quem sabe até de nossos familiares ou nós mesmos? Pelo menos já se fala nisso. Já é um bom começo. Vamos ter um pouquinho de fé para que isso saia do papel. Realmente esse trecho liga várias cidades e regiões agrícolas. Já está passando da hora de ser duplicado. Para o bem de todos. Vamos nos unir na fé e na vontade disso ocorrer? Que tal?

    29 0 Responder

    Incrédulo - 6 dias, 13 horas atrás

    Correto vamos ver quantas praças de pedágio vão colocar também né pra nos roubar um pouco mais

    2 6

    Neguites - 5 dias, 23 horas atrás

    Se o motorista dirigir com paciência ele chega em seu destino!

    0 4

  • Pirilampo | 6 dias, 15 horas atrás

    A justiça determina também que Papai-Noel passe a vir duas vezes por ano e o Coelhinho da Páscoa também... fala sério. Já era pra ter essa obra há mais de 10 anos, só porque a justiça "mandou" vai sair agora? Capaz de demorar mais ainda agora...

    12 10 Responder

    Observador - 6 dias, 11 horas atrás

    Se nem o Gilmar Machado que foi líder do PT na Câmara dos Deputados nos governos do corrupto ex-presidente Lula e que prometeu essa obra e não a cumpriram não vai ser a Justiça agora que vai executar essa duplicação tanto é que a previsão é de que os recursos a serem empenhados estarão designados no orçamento de 2022 ano de fim do mandato do Bolsonaro e até lá muita coisa pode acontecer mas é pouco provável que a duplicação da BR-365 ocorra nesse ano e no ano que vem a não ser que os estragos do coronavírus sejam tão grandes a ponto de voltarmos ao Estado gordo e patrimonialista dos governos militares à época do Ministro da Economia Delfim Netto, famoso pela frase: “Primeiro temos de fazer o bolo crescer para depois distribuí-lo” mas se até lá a massa não embatumar ou crescer de mais a ponto de atiçar os olhos gordos das empreiteiras por fatias gordas desse fermento extra, mas o detalhe é que os governos sujos do PT ficaram no passado e se o bravo Bolsonaro resistir e persistir até num eventual segundo mandato essa duplicação não vai ter nem Pai e nem Mãe e sim o engendrador dessa grande obra sera o povo brasileiro pelo seu Exército, a maior das Forças Armadas.

    4 2

  • palhacinho | 6 dias, 17 horas atrás

    ôba, ôba, até o fim do mês já deve ter máquinas se movimentando nesta rodovia precária, duplicação à vista!

    9 2 Responder

    BORGES - 6 dias, 12 horas atrás

    Amigo, não seja otimista, o meriíissimo DETERMINOU que a obra só se inicie no "longínquo" ano de 2022.

    3 1

    Neguites - 5 dias, 23 horas atrás

    Precária? O cara deve anda de velocípedes ! Excepcional o asfalto da 365!

    2 1

carregar mais comentários