349669 2216 Ok
Publicado em 19/08/2017 por Farley Rocha
Compartilhe:

Jovem de 28 anos é morto com golpe de faca pela companheira em Monte Carmelo

Ela disse que era agredida rotineiramente.

Welinton e Lara (Foto: Patrocinio on line)

O crime aconteceu no final da noite dessa sexta-feira (18) em Monte Carmelo. Welinton Asnandes Alves, de 28 anos, veio a falecer no Pronto Socorro Municipal após receber um golpe de faca pelas costas. A companheira de 26 anos confessou o crime dizendo que havia sido agredida com um soco por Asnandes. Ela foi presa e levada para a delegacia.

O crime ocorreu por volta das 11h55 dessa sexta na residência do casal na Rua Marajó, Bairro Lagoinha. Após o crime, os policiais foram até a casa e verificaram que vários pertences estavam revirados e havia poças de sangue espalhadas pela casa. No Pronto Socorro Municipal  a jovem Lara falava de modo desconexo e apresentava lapsos de memórias.

Primeiro, ela disse "que não sabia o que havia ocorrido, e que a vítima apareceu com uma faca introduzida nas costas, já dentro da residência e que esta apenas a retirou". Em seguida entrou em contradição, mas por fim resolveu confessar o crime. Ela disse que rotineiramente era agredida pelo companheiro.

Nessa noite, houve uma fervorosa discussão entre ambos, sendo agredida com um soco no rosto pelo companheiro, causando um hematoma em seus lábios, ocasião em que golpeou a vítima com uma faca e logo após arremessou a faca no lote dos fundos de sua residência. Durante buscas a faca usada no crime foi localizada no local indicado pela autora.

Uma testemunha disse aos militares que é vizinho do casal e que escutou gritarias e que em dado momento percebeu as crianças saírem em via pública chorando e pedindo por socorro. De imediato adentrou na residência e lá encontrou a vítima caída ao solo agonizando e já desfalecendo.

Diante disso, Lara foi presa em flagrante delito e conduzida à presença da autoridade de polícia judiciária após ser atendida e medicada no Pronto Socorro Municipal de Monte Carmelo. A perícia técnica foi até o local do crime para analisar como tudo teria acontecido.

Fonte: Patrocínio on line

Clínica Impar - Início: 21-08-17
Autor: Farley Rocha Postado em 19/08/2017
Compartilhe:

7 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Gloria Freitas | 3 meses atrás

    Tá certa,,,,cansou de sofrer,e nada que a justiça resolvesse,e assim mesmo que acontece,,,,,esses monstros,,,,,tem que morrer pra dar sossego,,,,parabéns, agora que ela vai ter paz,,,,,pra viver,,,,

    30 2 Responder

  • ....... | 3 meses atrás

    Se as mulheres agredidas por essses covardes fizessem o mesmo,nao haveria tanta violencia domestica,porque tem muitos valentoes q sao assim so com as companheiras..Fazem isso porque o muito q acontece com eles se a vitima levar adiante o processo é no maximo pagar cesta basica ,uns 6 meses de prisao se pego em flagrante e medida protetiva ..A policia as vezes ate faz a parte delas as a justiça....Vergonha dessa justiça brasileira

    24 1 Responder

  • ana | 3 meses atrás

    Pelo q foi falado na reportagem,ela so se defendeu..A justiça brasileira é uma vergonha...

    27 0 Responder

  • Cida | 3 meses atrás

    Quando o homem mata a mulher so almenta as estatísticas de violência contra as mulheres, dai quando a mulher resolve fazer a justiça é injustamente presa como se ela fosse bandida ! Que justiça é essa?

    27 3 Responder

  • Joice X Samuel | 3 meses atrás

    Ela só fez justiça com as próprias mãos cansada de apanha

    30 4 Responder

  • Fabio Sabino da Rocha | 3 meses atrás

    Tá de parabéns, devia nem ir presa!

    34 3 Responder

  • eagorazé 3 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Zé da Penha 3 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.