349669 2216 Ok
Banner CNA - TOPO
Publicado em 16/01/2017
Compartilhe:

Infestação do Mosquito Aedes Aegypti triplica em Patos de Minas e acende sinal de alerta

O estudo apontou um índice de infestação predial de 1,7, o que é considerado “Médio Risco”.

Os agentes de endemias trabalham para eliminar os criadouros.

O Programa Municipal de Combate à Dengue divulgou nesta segunda-feira (16) o resultado do Levantamento Rápido de Índice de Infestação por Aedes Aegypti – LIRAa – o primeiro do ano de 2017. O estudo apontou um índice de infestação predial de 1,7, o que é considerado “Médio Risco”. Entretanto, se for considerado o LIRAa realizado há três meses, o percentual é três vezes maior e preocupa.

O levantamento foi feito nos dias 10,11 e 12 de Janeiro. Os agentes de endemias visitaram aproximadamente 4.000 residências localizadas em todos os bairros da cidade. Em muitos locais, os agentes encontraram recipientes com larvas do mosquito. “O índice de Médio Risco preocupa todos nós do Programa Municipal de Combate à Dengue (PMCD), uma vez que os fatores climáticos como as chuvas, e calor intenso estão favoráveis para que o ciclo evolutivo do mosquito aconteça de forma mais rápida.” – revelou Sueli Santos, gerente do programa.

Além do Índice de Infestação de 1,7 ser mais de três vezes maior do que o percentual de 0,5 registrado no ano passado, os locais onde foram encontrados os focos do mosquito também preocupam. Eles estão em pratinhos de vasos de plantas, tambores usados para armazenas água das chuvas, calhas e lixo e materiais de construção armazenados de forma incorreta.

Em oito bairros da cidade a situação é mais preocupante. O Centro, Nossa Senhora Aparecida, Cônego Getúlio, Cristo Redentor, Caramuru, Nossa Senhora de Fátima, Jardim Paulistano e Planalto foram os locais com maior índice de infestação e receberão as visitas dos agentes de endemias primeiro.

O mosquito Aedes Aegypti transmite não só a Dengue, como também a Chikungunya, Zika Vírus e a Febre Amarela. Por isso é importante à participação de toda a comunidade no combate ao transmissor. Os agentes de endemias vão reforçar o trabalho com mutirões de limpeza, campanhas educativas e visitas de porta em porta, mas o trabalho só terá efeito se os moradores tirarem 10 minutos por semana para verificar e eliminar os focos do mosquito que existirem em seus quintais.

Autor: Maurício Rocha

Clínica Impar - Início: 21-08-17
Postado em 16/01/2017
Compartilhe:

4 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Eliana | 8 meses, 1 semana atrás

    a Secretaria de Saúde, Secretaria de Ação Social juntamente com a Unipam , Exército (Tiro de Guerra), poderia mobilizar as escolas de Patos e nos finais de semana fazer mutirões com os moradores do bairros da cidade, acompanhados dos caminhões de limpeza, antes que o problema aumente.

    1 0 Responder

  • Dengoso | 8 meses, 1 semana atrás

    Se juntar os 8 anos de Beia e Pedro Lucas, Patos ficou 8 anos no atraso. Regrediu muito. Que duas administrações fuleiras foram as duas últimas!

    0 1 Responder

    Lica - 8 meses, 1 semana atrás

    Vale lembrar que o atual era o vice e também secretário de administração da prefeita citada por você.

    1 0

  • Lorena | 8 meses, 1 semana atrás

    Fui passear na casa da minha sogra, situada na rua Vicente Jose de Santana no bairro jardim paulistano, eu e meu marido fomos ate o final da rua que tinha muitos entulhos para retirar a agua que ficam retidas dentro das vasilhas e virar as garrafas e potes que foram jogados pelos proprios moradores do local. Que já estavam formando larvas.

    3 2 Responder

  • MULTA JÁ | 8 meses, 1 semana atrás

    Se por acaso eu deparar foco do mosquito em casas próximas à minha (vizinhos). Vou dizer a ele, que aquela atitude irresponsável dele, poderá deixar um outro vizinho qualquer, caso a mulher esteja grávida, com um bebe com MICROCEFALIA. Vou chamar os órgão fiscalizadores e exigir que ele seja exemplarmente multado. Caso o problema persista, aí é pessol :facepunch: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle: :muscle:

    1 3 Responder

  • Cidadão Patense | 8 meses, 1 semana atrás

    Passo na Av. Piauí todos os dias, as autoridades patenses deveriam dar uma olhada em uma casa que fica na R. Dona Luíza esquina com a Piauí, aquilo lá tá passado de hora de ser tomada uma atitude, já que os proprietários não respeitam nem se importam com os outros, galhos de árvores invadindo o passeio atrapalhando os pedestres, lixo aos montes servindo de criadouro para o mosquito da dengue, já vi muitos caramujos e ratos saírem daquela casa, a julgar pela frente da casa, pode-se imaginar como é o quintal, deve ser um verdadeiro criadouro de mosquitos e outros bichos, não falando na segurança, pois, a noite qualquer marginal pode se esconder no meio daquele matagal e atacar pessoas, inclusive os proprietários. A prefeitura deveria limpar aquilo lá e mandar a conta pro dono do imóvel pagar, quem sabe assim ele passa a respeitar as pessoas ao seu redor. Ou então que se mudem pra roça, já que gostam tanto de mato. Aquilo lá é crime, é caso de polícia.

    1 1 Responder

    Mineiro - 8 meses, 1 semana atrás

    Mais será verdade que tem tudo isso no mesmo local pôr que os filhos náo ajudá à quidar dó mesmo local onde Já viveram à deve ser por que hoje ele deve ter estatutos junto a sociedade para náo poder ajudar à quê mora no local em vez de escrever paga uma telecacamba é vai lá ajudar coitados são pessoas de idades quê mora no local já vi os mesmos nó local alô filhos vamos ajudar os pais dê você à limpar o local pôr que tem mais gente que mora no local mais fazer o que ????????????

    0 0

    Mineiro - 8 meses, 1 semana atrás

    Eu conheço os senhores que mora é trabalho no local sempre fui muito bem atendido por eles todas as casas praticamente tem dê tudo um pouco será que é só lá que tem tudo que o outro disse lá mora um filho deles quando estiver lá tomado café de manhã vou dizer a ele para quidar melhor de pagamento onde ele mora os pais são dê mais idade ele é mais jovem obrigação é dele é pronto Blz amigo

    0 0

  • TODOS E RESPONSÁVEL PELO LIXO QUE PRODUZ | 8 meses, 1 semana atrás

    NÃO ADIANTA NÓS RECLAMAR ,POR A CULPA NO OUTRO.( PIMENTA NOS OLHOS DO OUTRO NÃO ARDE NO MEU) ENGANA QUE PENSA ISSO POIS TUDO QUE PRODUZIMOS DE RUIN OU DE BOM VOLTA PARA NÓS . O MAIS IMPORTANTE NÃO FAZEMOS QUE E CUIDAR DO LIXO QUE PRODUZIMOS. MUITOS LIMPA A SUJEIRA DE SUA CASA E JOGA NO LOTE DO VIZINHO. AI SAI FALANDO QUE O CULPADO SÃO OS OUTROS (DONO DOS LOTES ,TERRENOS )ESQUECENDO DE OLHAR O PROPRIO UMBIGO. AI AQUELA SUJEIRA QUE FOI JOGADA NO VIZINHO COMEÇA A TRAZER PARA CASA DE TODOS ATE DE QUEM JOGOUO LIXO DENGUE,RATO,ESCORPIÃO,COBRA,ETC. AI CHEGA AS DOENÇAS NINGUEM QUER ASSUMIR SUA RESPONSABILIDADE. VAMOS OLHAR PARA NÓS MESMO E VER O QUE ESTAMOS FAZENDO PARA MELHORAR . :hospital:

    3 1 Responder

  • Perito | 8 meses, 1 semana atrás

    Mais um pouco da "herança" do ex-prefeito... lixo e lixão pela cidade inteira.

    1 6 Responder

    Lorena - 8 meses, 1 semana atrás

    Nada a ver o que o prefeito tem a ver com a população SEM EDUCAÇÃO. onde as proprias pessoas fazem das ruas e ate as vezes de sua própria casa um lixão.

    4 0

  • joana maria | 8 meses, 1 semana atrás

    tem que multar os donos de lotes sujos e de casas abandonadas , enquanto não mexer no bolso das pessoas não vai resolver

    5 3 Responder

  • Chicungunha | 8 meses, 1 semana atrás

    Todo mundo joga entulhos nos espaços vagos e as autoridades não multam ou prendem ninguém. Esse negócio, só de jogar pó nos pratinhos dos vasos é papo furado. Lá no Limoeiro tem milhares de pneus na pista de kart e ninguém faz nada. É um criadouro a céu aberto. Acorda, prefeito! A administração tem que começar rápido pra consertar os últimos 8 anos de atraso da cidade de Patos.

    5 0 Responder

  • Edio Batista da Fonseca | 8 meses, 1 semana atrás

    cada morador tem que ter a consciencia se cada um fazer sua parte esta evolução do mosquito diminuirá drasticamente....

    3 0 Responder

carregar mais comentários