Impasse em atendimento a garoto que bebeu ácido pensando ser refrigerante vira caso de Polícia

Inconformado com a situação, o médico que veio acompanhando a criança acabou acionando a Polícia Militar.

publicado em 22/06/2019, por Maurício Rocha


Viaturas da Polícia Militar foram para o Hospital Regional para intermediar o impasse.

O atendimento a um garoto de apenas 10 anos que chegou a Patos de Minas em estado grave após ingerir uma espécie de ácido gerou um grande impasse. Embora seja referência para toda a região, o Hospital Regional não dispunha de um pediatra na noite dessa sexta-feira (21). Inconformado com a situação, o médico que veio acompanhando a criança acabou acionando a Polícia Militar. 

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Actual Hospital - Especial Notícias

A família mora em uma fazenda, mas o incidente aconteceu em uma casa no distrito de Brejo Bonito. O garoto de 10 anos e um irmão de 15 anos acompanhavam a mãe que foi contratada para fazer faxina em uma casa. O garoto viu o líquido em uma garrafa pet e pensou ser refrigerante. Ele bebeu o chamado LAT 300 e começou a passar mal. O irmão mais velho é que viu o estado do garoto no quintal e chamou a mãe. 

A criança foi levada para Cruzeiro da Fortaleza e teria sido encaminhada para o Hospital Regional através da central de regulação do SUS Fácil, com a chamada Vaga Zero, que é para casos de urgência. Mas chegando em Patos de Minas, o atendimento não foi o esperado. O Hospital informou que não havia pediatra de plantão e chegou a cogitar o retorno da criança. Foi aí que o médico que acompanhava o garoto deicidiu acionar a Polícia Militar. 

O incidente aconteceu por volta de 16h00. A Polícia Militar foi acionada após as 19h00. O caso do garoto era bastante grave. Mas sem outra alternativa, a direção do Hospital Regional decidiu dar prosseguimento ao atendimento. O médico Alfredo Nakao informou que o caso é grave e que o Hospital não dispõe de todos os recursos necessários para tratar a criança. Além disso, segundo ele, o Hospital Regional sofre com a falta de médicos, principalmente de pediatras. 

Segundo o diretor técnico, o Hospital Regional perdeu três pediatras e não houve contratação para suprir essas vagas.. Ele informou que a situação já foi repassada ao Governo do Estado, que administra o Hospital Regional, a Secretaria Municipal de Saúde e também ao Ministério Público e não descartou que problemas como este voltem a acontecer.

Imagens atualizado em 22/06/2019 • 15 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 22/06/2019
Compartilhe:

63 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Marema | 2 meses atrás

    Com o Bozo tudo piora a passos largos.

    7 12 Responder

    pp - 2 meses atrás

    isso é culpa dos ptralhas 16 anos de poder, Pimentel safado

    3 1

  • Paciente | 2 meses atrás

    Aí anda faltando de tudo, não tem neurologista, pediatra, obstetra. Já foi hospital bom agora está largado de lado. Fiquei internada lá e pessoal me tratou bem mas deu pra ver que tava cheio e todo mundo trabalhando. Cadê alguém pra cobrar do governo? Diz que saiu muita gente boa dai..

    8 1 Responder

    Playboy 2 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Edu - 2 meses atrás

    Paga imposto pra que? Não e a toa que imposto e roubo. não tem retorno.

    1 0

  • A Verdade | 2 meses atrás

    Cadê os prefeitos e deputados da região pra conseguirem pediatras pro nosso regional? Não é todo clínico que está apto às atender crianças, alguns já estão há mais de 10 anos só atendendo adultos! E como foram contratados para atender adultos não tem o porque estarem preparados para atender crianças.

    9 0 Responder

  • Do carmo | 2 meses atrás

    Independente de ter ou não pediatra o hospital tem q presta atendimento. Por q a vida estava em risco! A final oque houve como está a criança? Q Deus abençoe ele q n fique sequelas

    5 2 Responder

  • marcolino de barros | 2 meses atrás

    :rage: :rage:esse governo de incompetentes nao faz nada para saúde so quer roubar,vc chega la na UPA vc fica 5 horas para ser atendido, antigamente o regional era muito bom a gente chegava nele era atendido de mediato, agora ficou esse caso de profissional de merda olha para vc ver cade o medico que era para esta de plantão dessa bosta eu nao sei o que vai ser de patos nao com esse governo que nao tira o cu da cadeira :rage:

    9 22 Responder

    Frouxo - 2 meses atrás

    Mais um boca suja peteba que reclama de tudo, mas apoia a bandidagem presa e condenada por roubar recursos públicos que deveriam ser aplicados para atender às necessidades da população. Eu concordo que os serviços públicos estão horríveis, mas não se pode negar que a turma dos vermelhinhos esteve no poder por mais de 15 anos e fez muita maracutaia.... parece que vive em outro planeta e não quer enxergar... O BOZO também não vai fazer muita coisa, pois é incompetente e teimoso, mas pelo menos o projeto de poder e roubo dos vermelhos foi quebrado... Preocupemos agora em acompanhar o BOZO e se fizer baderna, tiramos ele também.. Não adianta cuspir tantos palavrões, xingar em redes sociais, isso não muda nada e só mostra o quanto é ignorante.

    11 4

  • Cadê o Queiroz? | 2 meses atrás

    Tem 3 anos que a Turma do Bozo deu o golpe na presidenta Dilma. E o Brasil só afundando depois que tomaram o governo do PT. volta, Lula.

    24 40 Responder

    Funga - 2 meses atrás

    Olha o desespero, o TEMERário era vice da DILMAnta.. Já esqueceu até disso? Credo... e ainda procura pelo Queiroz.

    20 10

  • Bozo | 2 meses atrás

    O PT acabou com a saúde.

    33 25 Responder

    Frouxo - 2 meses atrás

    Não sou fã, mas votei no Bozo. Esse PT deu PT em tudo que pôs a mão ou deu palpite. Credo! Que fase! Teremos que importar algum político da Noruega ou chamar o Batman.

    19 12

  • Carlos o foda | 2 meses atrás

    Medicos de emergencia e urgência tem que atender td. Não sabe chama o colega para ajudar. É importante parar de rifar a medicina e atender todos os pacientes. Desculpinha de não ter pediatra e jogar a bomba na mão do medico que veio de longe sem recurso toma vergonha médico do regional o que o pediatra ia resolver nesta situação diferente do emergencista?

    19 27 Responder

  • Morena | 2 meses atrás

    Se nesta espelunca não tem um profissional que entende de envenenamento, pode capar todos e jogar no beco. Este garoto não é mais uma criança, já é um pré adolescente. Outra coisa , qualquer outro médico que estava aí tinha que saber sim resolver esse caso, não é o primeiro paciente que aparece nesse hospital com caso assim. Todo especialista ,antes de mais nada estudou o básico. Por isso que não dou papo pra Médico, ainda mais esses de hoje, não sabem aonde estão seus narizes, todo exames que olham arrumam uma doença e um monte de remédios . E ainda acham que são os Tal , Ó do BÓRÓGÓDÓ.

    29 16 Responder

    Maria - 2 meses atrás

    Não da papo pra médico e não respeita os profissionais né dona Morena?! Então quando adoecer procure um veterinário ou um açougueiro, será muito bem atendida!

    12 8

    Morena - 2 meses atrás

    Vc deve ser o Japonês ou o Queiroz kkkkk. Eu sou de ferro, nunca precisei de ir ao Médico. Vcs são cada qual mais louco que o outro. Gosto é de me alimentar bem , exercícios físicos, dormir bem, e creio na cura natural .

    2 3

  • Tuty | 2 meses atrás

    Me solidarizo e fico muito triste pela situação, o estado do menino, mas os pais deveriam ensinar os filhos a nunca mexer em nada na casa dos outros. O menino já têm 10 anos, não é a criança de colo que têm que ficar de olho no o que coloca no boca. Situação triste. Deus o abençoe ????

    10 28 Responder

carregar mais comentários