349669 2216 Ok
Baile do Hawaii
Publicado em 13/04/2017
Compartilhe:

Funcionários do Unipam se desdobram para concluir obras do Centro Clínico de Odontologia

A intenção é inaugurar o novo espaço no segundo semestre deste ano.

 A enorme estrutura está sendo erguida na avenida Marabá, ao lado do Centro Clínico Universitário.

Funcionários do setor de obras do Centro Universitário de Patos de Minas – Unipam – estão se desdobrando para concluir as obras do Centro Clínico de Odontologia. A enorme estrutura está sendo erguida na avenida Marabá, ao lado do Centro Clínico Universitário. A intenção é inaugurar o novo espaço no segundo semestre deste ano.

A Faculdade de Odontologia do Centro Universitário de Patos de Minas começou a funcionar no segundo semestre de 2016. Segundo o pró-reitor de ensino, pesquisa e extensão do Unipam, Fagner Oliveira, o curso já está funcionando, mas a intenção é oferecer duas turmas, ambas no período da manhã.

As salas de aula vão continuar no Campus do Unipam da rua Major Gote, mas toda a parte prática será levada para o Centro Clínico de Odontologia. O espaço de 4.400 metros quadrados vai abrir dois laboratórios, espaço de treinamento e clínicas de atendimento. Além de oferecer estágio aos alunos, o Centro também vai atender a população patense.

A obra está em fase adiantada. Pedreiros, pintores e eletricistas trabalham no acabamento do prédio. Segundo o pró-reitor Fagner Oliveira todo esforço está sendo feito para que a construção fique pronta para ser inaugurada e para começar a funcionar a partir da volta às aulas no segundo semestre deste ano.

Imagens atualizado em 13/04/2017 • 11 fotos

Autor: Maurício Rocha

Giraffas
Postado em 13/04/2017
Compartilhe:

6 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Neguinha Caloura | 5 meses, 1 semana atrás

    Quanto fica pra tirar um diploma de veterinária? São quantos anos? Qual o valor da mensalidade? Tem que comprar material? Tem que pagar taxas de eventos? A biblioteca tem tudo que precisa e está atualizada? Os professores são todos altamente qualificados?

    3 2 Responder

  • Aluno | 5 meses, 1 semana atrás

    Enquanto isso o centro clinico veterinário é do outro extremo lado da cidade, bem longe do unipam, e além de não ter linha de ônibus que vai pra lá, a faculdade não ajuda com nada no transporte dos alunos. É bem revoltante.

    16 4 Responder

    Ex aluna - 5 meses, 1 semana atrás

    Concordo contigo. Mas se for para pensar, lá é um local mais apropriado para práticas e estudos veterinários, mas de qualquer forma a UNIPAM poderia dar suporte para seus alunos. Mensalidade exorbitante... o mínimo que poderiam fazer era ao menos entrar em consenso com a P. Branco e criarem uma linha. Infelizmente foi um dos motivos para que eu tenha saído do curso. Mensalidade extremamente cara e nenhum suporte aos alunos, ao contrário do que fazem por outros cursos.

    8 2

    ue - 5 meses, 1 semana atrás

    Mas eles fazem quase nada por todos os cursos. Os únicos cursos que há realmente investimento são os que dão mais rentabilidade para a instituição.

    6 2

    Aluno - 5 meses, 1 semana atrás

    Justamente por isso, o curso de MedVet tem em torno de 1.500 alunos, ou seja, um dos cursos que dá mais lucro pra instituição.

    5 2

    Aluna - 5 meses atrás

    Olha... vou falar para vcs. Comecei a estudar em duas faculdades, uma em São Paulo, outra em Uberlândia e os preços aqui são bem mais baratos. Fora que a estrutura é muito melhor. Mas muito mesmo. Eu, pelo menos, vejo aqui em Patos de Minas com muito mais qualidade e tudo é acessível, diferente das outras cidades. Não sei se é o caso, mas isso é questão de se organizarem e dividirem os custos de transporte... Fica a dica.

    0 0