Estudantes do IFTM e da UFU fazem protesto no centro de Patos de Minas contra os cortes na educação

A intenção é sensibilizar o Governo Federal para não promover os cortes na educação.

publicado em 15/05/2019, por Farley Rocha


Os alunos do IFTM protestaram pela manhã e os universitários da UFU pela tarde.

Estudantes do Instituto Federal do Triângulo Mineiro – IFTM – e da Universidade Federal de Uberlândia-UFU- fizeram manifestos nesta quarta-feira (15) em Patos de Minas. Os alunos do IFTM protestaram pela manhã e os universitários da UFU pela tarde. A intenção é sensibilizar o Governo Federal para não promover os cortes na educação. Eles alegam que o contingenciamento das verbas para instituições federais anunciado pelo Ministério da Educação, pode comprometer a educação no país.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Medic Imagem

Os estudantes levaram cartazes e, com palavras de ordem, tentaram sensibilizar as pessoas que passavam pelo local para a causa da educação. Nathane Barbosa e Maria Gabriella Gomes, estudantes do IFTM de Patos de Minas, ressaltaram a qualidade do ensino que é oferecido pela instituição e a preocupação com o corte de verbas. As manifestações contra os cortes na educação acontecem nos quatro cantos do país. Em Patos de Minas, os estudantes da UFU também realizam protesto.

Os estudantes da UFU também realizaram um protesto. À tarde, universitários se reuniram na frente do campus na Avenida Getúlio e, para sensibilizar o Governo Federal, mostraram um pouco do trabalho que é desenvolvido dentro da universidade. Vários cartazes foram afixados do lado de fora do prédio mostrando todo conhecimento desenvolvido na instituição. Com cartazes, os estudantes também foram para o semáforo e apresentaram para a sociedade a importância da educação.

O professor Laurence Amaral, professor de computação, ressaltou que os cortes irão prejudicar muito o ensino. Ele destacou que a universidade pública é responsável por desenvolver muito do conhecimento que ajuda toda a sociedade. Ele citou o desenvolvimento do Kit para prognóstico do câncer de ovário que está em fase final para já beneficiar a sociedade. Ele explicou que empresas privadas não tiveram interesse nesse desenvolvimento porque não gerariam o lucro esperado.

O professor do curso de biotecnologia, Guilherme Ramos Oliveira e Freitas, também defendeu a manutenção dos recursos. Ele disse que a área da educação já vem sofrendo contingenciamento há alguns anos, mas este é o maior deles o que causará o impacto muito grande principalmente no desenvolvimento de pesquisas. Ele destacou que atualmente está pesquisando sobre os 4 tipos de vírus da dengue para ajudar no combate desta epidemia. “O diagnóstico hoje é apenas de dengue, mas há 4 tipos”, informou.

Guilherme disse que, com os cortes, não terão insumos podendo interromper as pesquisas no próximo semestre. O coordenador do curso de biotecnologia, Aulus Barbosa, destacou que a verba que está sendo cortada vai prejudicar até mesmo o pagamento do aluguel, luz, água e também a construção do campus. “Os alunos estão mostrando as pesquisas comprovando ser falso o discurso de que os alunos não fazem nada. Há dois cursos de mestrado, os únicos do Alto Paranaíba. A sociedade precisa de saber. São alunos que não tem condições de pagar uma faculdade”, frisou.

O aluno do curso de mestrado, Willian Elias Paulino, enfatizou que os alunos necessitam das bolsas porque o estudo é integral e isso tem sido cortado. Ele disse que os universitários trabalham com projetos importantes para toda a sociedade e que o mercado não vê interesse. As universitárias do curso de biotecnologia Sabrina Cristina Guedes e Isabela Pironeli destacaram que o curso é bastante prático e precisam dos reagentes para desenvolver os estudos. Elas disseram que o intuito é sensibilizar o Governo Federal e não afrontar quem quer que seja.

Imagens atualizado em 15/05/2019 • 49 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 15/05/2019
Compartilhe:

111 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • José | 5 horas atrás

    Pelo visto, o exército de desocupados desse jumento, fica só na internet negativando comentários de quem não idolatra seu novo Deus. Acham que tudo que falam dele é conspiração da Globo, e se esquecem que a língua e a falta de cultura dele são seus maiores inimigos. Esse governo já acabou antes mesmo de começar. Falta só o jumento se dar conta de que o melhor que pode fazer para o país é renunciar. Até seus aliados e aqueles movimentinhos de araque (MBL, etc.) já abandonaram o barco, porque sabem que ele já afundou.

    0 1 Responder

  • Gato Selvagem | 3 dias, 18 horas atrás

    Que contingenciamento coisa nenhuma, nessa bagunça de Governo acham que o governo depois vai repor o dinheiro que tirou ? Acordem. Isso é uma palavra apenas para atenuar o CORTE.

    5 6 Responder

  • Gato Selvagem 3 dias, 20 horas atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Forasteiro 4 dias atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Quem matou Mariele? 4 dias atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Uma pessoa comum | 4 dias atrás

    Não haverá corte, haverá contingenciamento, o qual poderá ser revisto no caso da melhoria da economia do país. Esse contingenciamento já estava previsto em 20%, foram acrescentados apenas mais 10%, totalizando esses 30% tão polêmicos. Ele não será feito no valor total das verbas, mas sim nas verbas discricionárias, aquelas que a instituição tem liberdade para destinar pra onde achar melhor. Serão em média 3.6% do valor total do orçamento. Já vi várias entrevistas do povo falando que vai ficar sem dinheiro pra água, luz, pesquisas, e bla bla bla. Por favor né gente, temos internet, só vira massa de manobra política quem tem preguiça de buscar a verdade dos fatos. E outraaa, o Ministro da Educação já disse que aquelas instituições que sentirem que serão prejudicadas pesquisas e trabalhos essenciais para a sociedade, é só o responsável entrar em contato com o MEC e apresentar as contas, pronto !! Se as contas baterem e for comprovada a necessidade de mais verba para um determinado assunto, será liberada!

    62 9 Responder

    Hromeu - 4 dias atrás

    exatamente!!!!!!!!!! mas o povo só assiste a globo, e essa globo entra na mente desses coitados.... a maioria não sabe nem oque está falando

    48 5

    aluna 4 dias atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Gato Selvagem 3 dias, 14 horas atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • saudação a mandioca | 4 dias, 2 horas atrás

    como não teve 30 conto e nem pão com mortadela com ki suco. não dar de paga de idiota útil

    51 14 Responder

    apenas alguém 4 dias atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    apenas alguém 2 3 dias, 16 horas atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Cadê o Queiroz? | 4 dias, 3 horas atrás

    Por que os alunos não faz manifestação para arrumar aparelhis de ar condicionado guardados no iftm sem instalar? Ta tudo errado. Sujo falando do mal lavado. Por que acontece isso é ninguém fala nada?

    22 4 Responder

    Arnaldo Queiroz - 4 dias, 1 hora atrás

    Estou aqui bebe bora toma uma hoje

    4 1

    luli - 4 dias atrás

    não é só fazer protestos e puf resolve. tem que fazer o pedido porque não é a escola que contrata. a escola tem que fazer um pedido para o governo, e nem sempre aceitam ou mandam a verba. e contingenciando 30% então...... tente entender como funciona uma federal e depois venha falar asneiras.

    4 4

  • ESTOU AQUI PRA RIR | 4 dias, 4 horas atrás

    Estou impressionado com a quantidade de pessoas nesse protesto,pra mim não passam de um bando de desocupados e baderneiros.

    63 16 Responder

    hahahah 4 dias atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

  • Toninho | 4 dias, 4 horas atrás

    Esses não sabem o preço de nada, nunca trabalhou pra comprar algo, capaz que nem sabe o que estão fazendo. ????????????????????????????

    36 9 Responder

carregar mais comentários