Publicado em 01/09/2017 por Maurício Rocha
Compartilhe:

Estudante de odontologia dado como desaparecido é preso por furto de botijão de gás

Um estudante de odontologia de 32 anos foi preso na noite dessa quinta-feira (31) após ser flagrado pela Polícia Militar com um botijão de gás furtado.

O estudante é dependente e estava trocando o botijão de gás por pedras de crack.

Um estudante de odontologia de 32 anos foi preso na noite dessa quinta-feira (31) após ser flagrado pela Polícia Militar com um botijão de gás furtado. Outro homem também foi conduzido para a Delegacia pelo crime de receptação. O universitário é da região de Uberlândia e foi dado como desaparecido pelos familiares.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Medic Imagem

Segundo o sargento Alair, a Polícia Militar fazia patrulhamento pela rua vereador João Pacheco e avistou o universitário entrando com o botijão de gás em uma casa bastante frequentada por usuários de drogas. O estudante é dependente e estava trocando o botijão de gás por pedras de crack.

O botijão de gás tinha acabado de ser furtado de uma casa na Rua Padre Pavoni. O imóvel funciona como uma república. De acordo com o sargento Alair, Fernando está morando no local há apenas uma semana. Segundo o policial, os familiares do estudante registraram um boletim de ocorrência informando o seu desaparecimento.

Fernando disse que quando saiu de casa, os familiares ficaram preocupados e registraram o desaparecimento, dando a entender que esse tipo de situação já ocorreu mais vezes. Ele é da região de Uberlândia. Outro homem de 46 anos também foi preso por receptação.

Imagens atualizado em 01/09/2017 • 4 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 01/09/2017
Compartilhe:

36 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Maria de fatima medeiros souza | 1 ano, 2 meses atrás

    É muito fácil jogar pedras! Este é mais uma vítima do mal do século que a dependência quimica! Ele precisa de tratamento sério e orações, cadeia não recupera ninguém! Não apoio o erro, porem prender e não encaminhar para tratamento é devolvê- lo á sociedade pior do que entrou... Vamos fazer orações pela libertacao dos nossos jovens que estão aprisionados nas drogas, inclusive o alcool!

    2 0 Responder

    Fer - 10 meses atrás

    Obrigado pelo seu comentário. O problema é que muitas pessoas não sabem o que passamos em nossas vidas para chegar nessa lamentável situação. Hoje eu me encontro limpo, cuidando da minha família, desde que isso aconteceu, eu tive uma mudança buscra de percepção da realidade, onde eu precisei mudar, deixar para trás o passado e buscar uma mudança de vida. Como muitos comentários abaixo escritos de forma equivocada, pois é mais simples julgar do que procurar a verdade.. Eu admito que fiquei com raiva de alguns comentários, mas decidi que não não valem a pena minha resposta. Para esclarecimento, eu já fui tratado, isso ocorreu como um lapso de recaída, quem é terapeuta em dependência química sabe do que estou falando. Mas infelizmente é mais fácil apontar o dedo. Estou seguindo minha vida bem trabalhando e buscando pelos meus sonhos. Agradeço à todos que que me deram apoio. Fiquem com Deus

    0 0

  • João Pedro da Silva | 1 ano, 2 meses atrás

    Esse camarada aí é da cidade de Santa Vitória MG,os pais deram de tudo e mais um pouco pra esse malandro virar homem é nunca adiantou,quem sofre com as ações dele são seus familiares aqui de Santa Vitória,porém ele fugiu pra longe pois aqui todos já o conheciam,tanto que ninguém sentiu falta dele por aqui, coitado do pessoal da república que hospedou ele,nisso que dá confiar numa peste dessa

    0 1 Responder

  • Janaina Borges | 1 ano, 2 meses atrás

    Ivanês Borges Pacheco olha só essa matéria

    1 0 Responder

  • Elaine Cardoso Boaventura | 1 ano, 2 meses atrás

    Um estudante de odontologia com o primeiro nome Fernando existe milhares por ai a fora,ele antes de ser um estudante ele é um homem comum.

    5 0 Responder

  • Dona Fia | 1 ano, 2 meses atrás

    Malandrao assim merece uma internação no serviço. A família tem que botar ele pra trampar. Médico não cura sem-vergonhice não! Manda o ze droguinha pro serviço. Isso deve viver a toa na malAndragem desde que nasceu. Cada pai tem o filho que constrói!

    2 4 Responder

  • Francisco | 1 ano, 2 meses atrás

    Dá pena ver um jovem perdido no mundo das drogas.

    6 0 Responder

  • Taquim | 1 ano, 2 meses atrás

    Vai ser vagabundo!começou bem .Deus me livre vai roubar as bolsas dos clientes obs:Se chegar a formar.vagabundo cria brilho na cara

    2 1 Responder

  • Marcos Ferreira X-9 | 1 ano, 2 meses atrás

    Ele precisa é de tratamento ao invés de prisão, assim como tantos.

    5 10 Responder

    Trojan - 1 ano, 2 meses atrás

    Leva ele pra sua casa, trate-o, de amor e carinho. de seu bujão de gás para ele assim ele nao precisa roubar... seja uma pessoa boa,e de o exEplo.. ADOTE UMA LADRÃO NOIA ! Cadeia para vagabundos!! BOLSONARO 2018

    7 1

  • Lúcido | 1 ano, 2 meses atrás

    Mais um escravizado! SIM, a droga aprisiona, escraviza e transforma o usuário em morto-vivo. Só quem tem problema na família sabe disso. Quando a família acorda, na maioria das vezes não há como salvar o dependente. É um caminho sem volta e sem cura! Não tem nada de engraçado nisso, pelo contrário, muito triste!

    16 0 Responder

  • Carinha que mora logo ali | 1 ano, 2 meses atrás

    Na minha modesta opinião, OLHAAA O GAAAAAAAAAAAAAAAASSSSSSS

    6 10 Responder

carregar mais comentários