3499669 2216 Ok
Publicado em 13/04/2018 por Farley Rocha
Compartilhe:

Elevatória da Copasa é vistoriada em investigação de mau cheiro que incomoda moradores

O forte cheiro de esgoto que se alastrou pelo Bairro Copacabana em Patos de Minas vem tirando o sono dos moradores.

A visita aconteceu na tarde dessa quinta-feira (12).

Representantes do Conselho de Meio Ambiente, Copasa e Defesa Civil realizaram na tarde desta quinta-feira (12) uma visita nos reservatórios da Copasa no Bairro Copacabana. Durante o final de semana passado, vários moradores reclamaram do forte mau cheiro de esgoto que se espalhou pelo bairro. O presidente da Associação de moradores do Bairro Copacabana também esteve presente.

O forte cheiro de esgoto que se alastrou pelo Bairro Copacabana em Patos de Minas vem tirando o sono dos moradores, literalmente. Uma moradora, que acompanhou a vistoria, disse que acordou várias vezes pela madrugada incomodada e passando mal por causa do odor: “Eu acordei fazendo vômito e passando muito mal, foi muito complicado, alguém tem que fazer alguma coisa para mudar essa situação aqui”.

Itamar Fernandes é presidente do Bairro Copacabana e disse que a situação no local está muito crítica e infelizmente os moradores estão pagando caro: “Eu recebi diversas ligações e denúncias dos moradores dizendo que o mau cheiro estava insuportável. De imediato nós já fizemos um requerimento junto ao Codema para que uma vistoria fosse feita e o problema sanado”, destacou.

De acordo com Ivanildo Alves, Secretário do Codema, o Córrego da Cadeia, localizado no final da Rua Alberto Pereira Rocha, já não possui mais água, apenas esgoto puro: “É um odor muito forte que sai aqui do córrego, muito forte, de um jeito que a gente nem consegue ficar perto”. Segundo ele, o que precisa ser feito para amenizar a situação é uma obra séria de engenharia no local.

O período noturno é o principal ponto de reclamação dos moradores. Segundo eles, ao entardecer é que começa o forte odor vindo de uma das elevatórias da Copasa localizada nos fundos do Bairro: “Nós fomos lá agora e vimos que realmente tudo está funcionando como deveria estar, mas precisamos voltar em outras horas do dia, quando o cheiro estiver mais forte e assim tomarmos as devidas providências junto aos órgãos competentes”, disse o Presidente do bairro, Itamar Fernandes.

Uma reunião foi marcada para o início da noite desta quinta-feira (12) quando os moradores irão levar esses e outros problemas junto aos diretores da Copasa. Segundo eles, será cobrado com veemência a resolução de todos esses incômodos. Os moradores do Bairro Laranjeiras também estão sofrendo com o problema. Vários já entraram em contato com o Patos Hoje relatando o forte mau cheiro.

Imagens atualizado em 13/04/2018 • 16 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 13/04/2018
Compartilhe:

20 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Brasileiro sofredor | 5 dias, 19 horas atrás

    Apenas uma resposta, descaso da Copasa, no Quebec a ligação joga o esgoto para a linha de tratamento, porém quando não comporta, o excesso é jogado na rede que coleta a água da chuva, e essas gambiarras se repetem em quase toda a cidade, tem anos que um acordo escurio foi firmado entre a prefeitura e Copasa, não entendo porque até agora não temos tratamento desse esgoto em sua totalidade, não entendo também porque ninguém derruba esse abuso.

    2 1 Responder

  • ANA | 6 dias, 6 horas atrás

    acho engraçado que no Quebec está pior e ninguém vai lá ver rsrsrsrsr... só porque o bairro é de rico ai eles vão olhar.... cadê as providencias?

    8 3 Responder

  • JOSÉ CALIMÉRIO | 6 dias, 6 horas atrás

    Gente, e o JOSÉ CALIMÉRIO HEIM? A festa do milho está chegando e junto com ela chega o JOSÉ CALIMÉRIO, a personificação da simpatia e do carisma. Esta cidade tem muito a ganhar com a minha presença. Eu o JOSÉ CALIMÉRIO!

    4 2 Responder

  • Lucio | 6 dias, 8 horas atrás

    O mal cheiro no kebec é insuportável! Aquilo lá é desumano, como os moradores suportam? E as autoridades, como deixam aquela situação lá daquela maneira? É uma falta de respeito com os moradores de lá! Eu vi com meus próprios olhos, criança fazendo vômito por causa do mau cheiro. Que absurdo! Que falta de humanidade! Que falta de tudo... UMA VERGONHA!!!

    14 3 Responder

  • datena | 6 dias, 9 horas atrás

    Hem bairro de rico resolvem os problemas rapidinho,ainda mais agora chegando a ... da Festa do Mio. Vem aqui no alto perto do seminario no Belvedere pros ceis ver a situaçao do mato entulho sujeira e buracos,fica quase de frente o seminario.

    6 4 Responder

  • Max Botelho | 6 dias, 9 horas atrás

    Quanto mais o tempo passa, mais tenho certeza que entregar o sistema de abastecimento e tratamento d'água para a COPASA foi TENEBROSO para o município.

    12 3 Responder

  • José Geraldo | 6 dias, 9 horas atrás

    Wilsinho cara sério e honesto e resolve os problemas da cidade vamos lançar ele para Prefeito

    0 13 Responder

    Olho por olho - 6 dias, 8 horas atrás

    Só se for pra ele vender as coisas do município.. inventar uma lorota .. e não pagar ninguém.

    13 0

  • patense | 6 dias, 9 horas atrás

    As mulheres estao fazendo ate pose p tirar foto? vixe.. resolver o problema ninguem resolve nao... é brincadeira.

    6 3 Responder

  • Jacaré | 6 dias, 9 horas atrás

    Em bairro de classe media alta vcs vao no bairro de pobre vcs nem fala kebek mal cheiro e ninguem faz nada

    8 2 Responder

  • Quebec | 6 dias, 10 horas atrás

    Engraçado, no bairro Quebec, esta com mal cheiro desde sempre e nada de providência, agora como e no Copacabana que e um bairro de classe média, a providência tem que ser imediata. O certo seria resolver primeiro no Quebec depois no Copacabana, pois o problema já esta lá por meses. (Que esse comentário chegue aos olhos de alguma autoridade)

    8 3 Responder

carregar mais comentários