Diule Higor é assassinado a tiros e homem de 44 anos que buscava freezer é atingido gravemente

Ele estava em uma barbearia localizada na rua Minas Gerais, entre a rua Duque de Caxias e a avenida Brasil quando os assassinos se aproximaram.

publicado em 10/05/2019, por Maurício Rocha


Ele estava em uma barbearia localizada na rua Minas Gerais quando foi baleado.

Diule Higor Mauro da Silva de 28 anos foi assassinado a tiros na manhã desta sexta-feira (10) em Patos de Minas. Ele estava em uma barbearia localizada na Rua Minas Gerais, entre a Rua Duque de Caxias e a Avenida Brasil, quando os assassinos se aproximaram e efetuaram vários disparos. Um homem de 44 anos, que foi até o local buscar um freezer, também foi baleado e encaminhado ao hospital.

A Polícia Militar foi acionada por populares por volta de 09h30. De acordo com o capitão Ferreira, a informação era de que estava ocorrendo um tiroteio no bairro Brasil. Eles chegaram ao local e encontraram as duas vítimas baleadas. Luiz André dos Anjos, de 44 anos, ainda estava com vida. Ele foi socorrido e encaminhado para o Hospital Regional Antônio Dias em estado grave.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

 A perícia não soube precisar a quantidade de disparos que acertaram Diule Higor. Ele foi atingido nos braços, mãos, peito e principalmente na nuca. Segundo a perícia, ele foi alvejado por três disparos na parte de trás da cabeça, um deles à queima roupa. Ele ficou caído ao solo, não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

 A informação é de que Diule Higor foi até o salão para cortar o cabelo e estava aguardando sua vez. Por volta de 9h20, os dois atiradores se aproximaram em uma bicicleta tipo cross e começaram a atirar. O assassino usou uma pistola. Pelo menos 12 cápsulas ficaram espalhadas pelo local do crime. Uma arma, calibre .32, que seria de propriedade de Diule Higor, ficou no chão, no interior da barbearia. O proprietário da barbearia não foi atingido. Ele ficou em estado de choque durante toda a manhã.

 A Polícia Militar esteve no local e viaturas fazem rastreamentos na tentativa de prender os autores. A Polícia Civil também já começou a investigar o assassinato. Segundo a Polícia, Diule Higor já havia sido alvo de várias outras tentativas de homicídio. Em uma delas, ele foi baleado dentro da própria casa. Diule também era apontado pela polícia como autor de outros crimes contra a vida. Luiz André foi atingido inocentemente. Ele foi na barbearia apenas para buscar um freezer.

Imagens atualizado em 10/05/2019 • 63 fotos

Autor: Maurício Rocha Postado em 10/05/2019
Compartilhe:

191 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Fernandinho | 6 meses atrás

    Fiz projeto saci com ele na época de 2002, era um rapaz q gostava de jogar bola ñ tinha envolvimento com coisas erradas naquela época, q pena foi por lado do mal.

    3 1 Responder

  • Muito bom :clap: :clap: | 6 meses atrás

    Vamos ver pelo lado bom dos fatos. Essa vítima não ia melhorar, ia continuar traficando, roubando e matando pessoas - causando muita infelicidade para muitos, para si mesmo e para sua família. Isso poderia se estender por muitos anos, causando sofrimento incalculável para muitos. A morte dele tem um lado bom, apesar de muita dor no momento, ele descansou, descansou sua família e deu uma folguinha para a sociedade. :+1: :+1: :+1:

    5 0 Responder

  • Batt | 6 meses atrás

    Vou te contar tudo o que eu sei,soooo que depois dos comerciais

    2 0 Responder

  • FUNERÁRIAS | 6 meses atrás

    ESSE SERVIÇO DE FUNERÁRIA EM PATOS DEVERIA SER FISCALIZADO PELO MINISTÉRIO PÚBLICO. FAZER UMA FISCALIZAÇÃO. NÃO TEM REGULAMENTAÇÃO ESSE SERVIÇO QUE É DE INTERESSE PÚBLICO E MUITA GENTE GANHANDO DINHEIRO EM CIMA DAS PESSOAS SEM PRECISAR OU CHAMAR O SERVIÇO EM PATOS DE MINAS.

    2 2 Responder

  • 171 | 6 meses atrás

    Esse sujeitinho que levou uns pipocos era o cão chupando manga, agora vai chupar no colo do capeta...

    19 4 Responder

  • Zeca urubu | 6 meses, 1 semana atrás

    Ele era legal amigo tranquilo e blá blá blá blá blá blá blá se tá de brincadeira comigo camarada corta esse carote se não isso vai te matar noiado.

    5 3 Responder

    Verdades 6 meses atrás

    Comentário removido pelos leitores. Este comentário foi retirado porque recebeu 20 votos negativos a mais que os positivos.

    Noiado - 6 meses atrás

    Esse bixao que cantou pra subir era super honesto, trabalhador, não tinha passagens na polícia, era um ser humano integro. Estou simplesmente chocada ,

    6 17

  • Verdades | 6 meses, 1 semana atrás

    Na verdade cada um com seus defeitos. Pq TDS nós vivemos em um tipo diferente d erro na vida. Mas Diule Higor era um cara legal, humilde , um bom pai, amigo de verdade.. infelizmente teve um final imaginado. Que Deus abençoe seus filhos e sua mãe. Amanha dia das mães e ela vai ter um péssimo dia infelizmente

    10 10 Responder

    verdade de verdade - 6 meses atrás

    legal humilde mais ja mato muitos fez muita mae chora.que cara legal e humilde em?

    8 0

    Ninguém - 6 meses atrás

    Concordo

    2 1

  • Capitão Nascimento | 6 meses, 1 semana atrás

    Sem defender ninguém , mas Deus conforte os filhos e a mãe dele !

    6 2 Responder

  • Professor | 6 meses, 1 semana atrás

    Um cara com um nome desses em vez de, Dilleygor, queria o que tambem? :see_no_evil:

    9 14 Responder

  • Italiano | 6 meses, 1 semana atrás

    E o senhor joaquim da mercearia? Quem matou ele? Ninguem fala nada

    14 2 Responder

    Triste realidade - 6 meses, 1 semana atrás

    Seu Joaquim, infelizmente, é apenas mais um numero nas estatísticas da violência em Patos de Minas. Mais um trabalhador vitima da falta de segurança pública na cidade de Patos de Minas.

    17 1

carregar mais comentários