349669 2216 Ok
Publicado em 20/07/2017
Compartilhe:

Dentista é preso ao enganar esposa por 7 anos fingindo ser major do Exército

O caso aconteceu em Belo Horizonte.

Dentista é preso ao enganar esposa por 7 anos fingindo ser major do Exército

Durante anos, Eudes Rodrigues Libanio, de 47 anos, acordava cedo, colocava uma farda do Exército Brasileiro e saía para trabalhar. Ao chegar na sede do Quarto Comando da Região Militar, na Avenida Raja Gabáglia, Região Centro-Sul de BH, ainda mandava uma localização via celular para a esposa, informando que estava tudo bem. Esta foi a rotina durante sete anos.

O que a mulher dele, os vizinhos e amigos não suspeitavam é que tudo não passava de uma grande mentira. Na verdade, o 'major Libânio', não é e nunca foi um oficial do Exército. 

O homem, que é dentista, foi desmascarado por militares do Tático Móvel nessa quarta-feira. Na casa dele, no Bairro Fernão Dias, Região Nordeste de BH, foram apreendidos diversas fardas do exército, além de um revólver calibre 32 e duas réplicas. De acordo com a Polícia Militar (PM), a ocorrência teve início após uma denúncia anônima. “Pelas informações que nós temos, ele já foi preso em 2010 se passando por militar do Exército Brasileiro”, disse o cabo Raphael Oliveira.

A esposa do falso major, que pediu para não ser identificada, conta como descobriu que o marido mentiu para ela durante sete anos de relacionamento.

“Por curiosidade, fui olhar no portal de transparência, que todo servidor a gente joga lá os dados e consegue acessar o salário. Joguei o meu e quis jogar o do meu marido. Parei para pensar que eu nunca tinha visto o contracheque dele. E não apareceu. Até que a gente teve que acionar o serviço de inteligência do Exército”, explicou a mulher. 

“Tudo condizia com uma vida militar real. É uma situação muito difícil, porque criei uma expectativa de um relacionamento. Foram sete anos da minha vida que foram doados a ele. Espero que se for doença que ele procure tratamento e que ele pague pelo que cometeu. Isto é crime, falsidade ideológica”, lamentou a mulher, mãe do filho do falso major.  

Fonte: Itatiaia

Rovan - Super Banner Rodape - inicio 11-07-17
Postado em 20/07/2017
Compartilhe:

38 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Faeza Marcele | 1 mês, 3 semanas atrás

    Paulo Antonio Tinoco

    1 0 Responder

  • Fernanda Oliveira | 1 mês, 3 semanas atrás

    Valdeci Pereira da Silva

    1 0 Responder

  • Tiaago Ribeiro | 1 mês, 3 semanas atrás

    Aline Moreira de Souza

    1 0 Responder

  • Miryelle Oliveira | 1 mês, 3 semanas atrás

    1 0 Responder

  • Ruan Sousa | 1 mês, 3 semanas atrás

    Kkkkkkkk

    1 0 Responder

  • Saintt Cllair Cunha Soares | 1 mês, 3 semanas atrás

    1 0 Responder

  • Raphael Silva | 1 mês, 3 semanas atrás

    Kkk o as ideia talvez ela tinha fetiche por pm kk

    1 0 Responder

  • Fernanda Diniz | 1 mês, 3 semanas atrás

    teoria da vaca p essa notícia"cagando e andando".kkkkk

    1 0 Responder

  • Cirlucia Barbosa | 1 mês, 3 semanas atrás

    E verdade mas ladrao e traficante n fica preso

    1 0 Responder

  • Marcos Rial | 1 mês, 3 semanas atrás

    Eis aqui o maior caso de #descubra da história.

    1 0 Responder

carregar mais comentários