Córrego do Monjolo volta a transbordar e alaga as duas pistas da Avenida Fátima Porto

Como das outras vezes, o local de maior transbordamento foi na ponte existente no cruzamento com a Avenida Piauí.

publicado em 04/02/2020, por Farley Rocha


O temporal que caiu no início da noite dessa terça-feira (04) voltou a alagar as pistas da Avenida Fátima Porto, em Patos de Minas. A enxurrada passou por sobre a ponte e tomou as duas pistas. Os motoristas que transitavam pelo local tiveram que aguardar ou tomar um trajeto alternativo.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

Como das outras vezes, o local de maior transbordamento foi na ponte existente no cruzamento com a Avenida Piauí. A água chegou às muretas de proteção da ponte. Carros e pedestre tiveram que aguardar a água baixar. O forte temporal não demorou muito, mas foi o suficiente mostrar a necessidade das providências que vêm sendo tomadas no local.

Os proprietários dos automóveis que são mostrados nas imagens informaram que tiveram que amarrá-los com correntes para não serem levados embora. Eles ressaltaram que foi por pouco que não perderam os veículos.

Outros pontos da cidade também registraram alagamentos, no entanto, de acordo com o Corpo de Bombeiros, nada de mais sério foi registrado.

Imagens atualizado em 04/02/2020 • 3 fotos

Autor: Farley Rocha Postado em 04/02/2020
Compartilhe:

36 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Roberto | 3 meses, 2 semanas atrás

    https://www.youtube.com/watch?v=I8TpBsD8aFE Video de uma solução para acabar com os estragos.

    2 0 Responder

  • Roberto | 3 meses, 2 semanas atrás

    Uma solução seria a utilização de asfalto permeável, não existe estrago sem enxorada. Para ampliar o conhecimento e divulgar a informação para que o secretario de obras tome conhecimento segue o link. https://www.inovacivil.com.br/asfalto-permeavel/ :bank:

    2 0 Responder

  • PATENSE COM ORGULHO | 3 meses, 3 semanas atrás

    Volta Prefeita Beia . Volta e faz o restante da obra da caixa do córrego do Monjolo da Fátima Porto . O Pedro Lucas e José Eustáquio Não quiseram dar seguimento na obra . PATOS precisa da senhora

    15 21 Responder

    PATENSE - 3 meses, 2 semanas atrás

    A obra ja ta paga, Prefeita Beia muito massa contratou uma empresa para fazer a obra, ao inves ela contratar o mais barato e bom. Ela não quis e contratou a empresa do primo dela e ta bem aberto que a empresa pode retirar dinheiro o tanto que precisar para concluir a obra, até hoje a empresa pegar dinheiro e a obra nunca foi concluida. Não estou defendendo Pedro Lucas e muito menos José Eustáquio mas lembrando que a Beia foi outra bosta também.

    2 0

  • a | 3 meses, 3 semanas atrás

    e tem gente q fala pra fazer que nem em bh, tampar o corrego, kkkkkkkkkkkkkkkkk

    5 0 Responder

  • Prefeitura | 3 meses, 3 semanas atrás

    O poblema e que os engenheiros da prefeituras são nota 10 kkk podem notar o córrego transborda e por que as vigas da ponte ai são baixa ai agua bate e sobe e pra cima e nao adiantou nada fazer aquela outra ponte mas embaixo fracos

    9 3 Responder

    sabichão - 3 meses, 3 semanas atrás

    Mas fez a outra ponte justamente pra demolir essa e fazer outra. Depois se demolir essa sem construir a outra onde é que você vai atravessar?

    2 3

    diogo - 3 meses, 3 semanas atrás

    problema é q a prefeitura n te contratou, pq vc com certeza sabe mais q os engenheiros de la. kkkkkkkkkkkk É cada uma. Uns pe rapado q num conseguem fazem mais de 15 mil num ano falando esse tipo de asneira.

    1 12

  • Ze | 3 meses, 3 semanas atrás

    Essa avenida já virou história, a muitos anos atrás começaram as obras e nada de acabar. Aposto que se estivessem acabado não estaria essa porcaria. No início dela, próximo a Gerwan já não tem esse tipo de problema, justamente porque ali terminaram a obra. Vergonha de cidade, já foi mais bem cuidada. As ruas estão puro mato, os lotes então nem se fala. Cada ano que passa entra e sai prefeito resolvem porra nenhuma.

    12 1 Responder

  • JACINTO | 3 meses, 3 semanas atrás

    O problema da Avenida Fátima Porto é porque ela fica num "buraco" tipo, vc olha a esquerda é só morro, olha a direita é so morro e nisso as águas das chuvas dos dois lados vão tudo para lá, fora o esgoto e as outras áreas da cidade que tem acesso ao córrego. Acredito que para solucionar o problema, tem que ter um projeto fodão, com um engenheiro fodão, um prefeito fodão.

    13 1 Responder

    EU - 3 meses, 2 semanas atrás

    E UM ORÇAMENTO FODÃO NÉ PORQUE OS MILHARES DE MILHÕES JÁ GASTOS NESSA AVENIDA NÃO FORAM O BASTANTE PARA ENCHER O BOLSO DOS NOSSOS POLÍTICOS DE ESTIMAÇÃO...

    3 0

  • Na Real | 3 meses, 3 semanas atrás

    No tempo que não existia aquela quantidade de terrenos impermeabilizado, o córrego já alagava! Agora com um punhado de erros de engenharia é que querem que isto não ocorra?! Sabe aquele "Prefeitaço" que tem muitos imbecis da cidade que gostam de o endeusa-lo...pois é, quando ele construiu a infraestrutura básica da avenida, eles diminuíram a calha do córrego, que não tinha as margens tão ingrimes! A natureza leva anos e anos para se consolidar, aí vem um engenheiro feito nas coxas, e fazem este mundo de merda! Agora vai lá e o procure para assumir as suas responsabilidade para ver se ele assume?!

    8 0 Responder

  • keplersil | 3 meses, 3 semanas atrás

    Acredito que a melhor solução para essa rua é levantar a pista com uma boa terra planagem e manter o nível até o duto (ponte) perto do Mart Minas e, depois continuar a obra de concretar tudo aumentado a largura e profundidade. Com isso teremos uma capacidade maior para manter a agua dentro da rede pluvial.

    3 3 Responder

  • Servidor | 3 meses, 3 semanas atrás

    Adiantou o quê essa mudança da entrada na prefeitura? Tirou alguém do alagamento? Mais um exemplo de obra mal planejada, "gambiarra" mesmo. Deviam seguir o projeto original da época do Antônio "dos Buraco" que tinha um viaduto passando da Piauí pra Guaraci. Mas como já sabemos, na época do Antônio, teve muita "nebulosidade" nessa cidade: prefeitura em chamas, compra de lote irregular pra sede e buracos, claro. É só mais um capítulo.

    10 1 Responder

carregar mais comentários