Publicado em 11/06/2018
Compartilhe:

Cemig divulga dicas de segurança com a rede elétrica para curtir a Copa do Mundo

Os torcedores precisam ficar atentos especialmente à utilização de fogos de artifício e dos enfeites em ruas e praças.

Eles podem causar queimaduras graves e, se atingirem a rede elétrica, podem gerar um curto-circuito.

A Copa do Mundo FIFA 2018 começa nesta semana, e a Cemig alerta a população sobre os cuidados que devem ser adotados com relação à rede elétrica, antes e durante os jogos. Os torcedores precisam ficar atentos especialmente à utilização de fogos de artifício e dos enfeites em ruas e praças.

Os enfeites –  como as típicas bandeirolas, faixas e outros adereços – devem ser feitos com materiais isolantes e biodegradáveis, e não podem ser afixados próximo à rede elétrica. Materiais como fitas metalizadas, papel alumínio e papel laminado causam acidentes, pois são condutores de eletricidade.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Medic Imagem

De acordo com o engenheiro de segurança Demetrio Aguiar, da Cemig, as pessoas têm que tomar cuidado com a utilização de bambus e varas metálicas como hastes para a fixação das bandeiras.

“As bandeirinhas nunca devem ser penduradas em fios da rede elétrica, pois pode causar choques e acidentes, caso a operação seja feita por pessoas não especializadas e que descumpram as normas de segurança. Portanto, a melhor forma de se evitar acidentes é a conscientização sobre como lidar com esses utensílios sem correr riscos desnecessários”, afirma o engenheiro.

Além disso, o uso de arames ou fios de cobre – mesmo finos – também não é indicado para pendurar a decoração, pois facilitam o choque elétrico. Esses suportes devem respeitar a distância mínima de 1,5 metro da rede. “É preciso calcular a altura desses objetos, para que não haja contato com os fios de energia elétrica”, alerta Demetrio.

Ainda segundo o especialista, postes e padrões de energia não devem ser utilizados para amarrar bandeirinhas, faixas e outros adereços. Vale lembrar que a afixação desses adereços deve ser bem feita para que não se soltem nem sejam projetados contra a rede elétrica pelos fortes ventos que ocorrem nesta época do ano.

Fogos

Outro alerta importante é em relação aos fogos de artifícios, que devem ser manuseados somente por adultos e utilizados em locais distantes da fiação, afastados de bandeirinhas e de demais enfeites ou materiais que apresentem risco de incêndio.

“Os fogos de artifício jamais poderão ser lançados contra as redes elétricas ou seus equipamentos como transformadores ou subestações de energia. Eles podem causar queimaduras graves e, se atingirem a rede elétrica, podem gerar um curto-circuito”, explica.

Em casos de acidente envolvendo redes elétricas, a empresa orienta que a população ligue imediatamente para o número 116 – que funciona 24 horas por dia, e aguarde a chegada dos técnicos especializados da Cemig.

Além da Cemig, a população também pode acionar gratuitamente o Corpo de Bombeiros ou a Polícia Militar: o telefone dos Bombeiros é 193, e o da PM é 190.

Instalação de antenas de TVs

Além dos enfeites e dos fogos de artifício, muitas pessoas se arriscam ao instalar antenas de TV externas com a finalidade de melhorar a imagem. Dessa forma, a Cemig recomenda que a instalação dessas antenas seja feira de forma segura e longe dos fios das redes elétricas, utilizando hastes de dimensões inferiores à menor distância entre o ponto de instalação e a fiação da Cemig.

“As ocorrências mais comuns acontecem quando as pessoas aproximam ou encostam as antenas ou fios de recepção de TV aos cabos das redes de energia, vindo a sofrer descargas elétricas com consequências graves, inclusive com diversos casos fatais já registrados”, lembra Demétrio.

Além dos instaladores, outras pessoas também podem ser vítimas de acidentes e sofrer choque elétrico, se estiverem tocando ou mesmo próximas à TV ou receptores no momento do contato das antenas com a rede.

Outras recomendações

– Não lançar artefatos (serpentinas, confetes, entre outros) na rede elétrica, sejam metálicos ou não.

– Antes de fazer qualquer ligação elétrica ou de instalar enfeites que utilizem energia (lâmpadas etc), consultar a Cemig ou um eletricista especializado. Fazer gatos é crime e traz sérios riscos para quem faz e para a população.

– Não instalar nenhum enfeite próximo à rede elétrica.

– Com relação a estruturas para exibição de jogos em telões e apresentação de shows, na montagem e na desmontagem deve-se considerar a existência das redes elétricas aéreas e, em caso de escavação, de redes subterrâneas.

– A fixação das coberturas deve ser bem feita para evitar o desprendimento e a possível projeção contra a rede elétrica.

– Aparelho de som, refrigeração, churrasqueiras elétricas e outros aparelhos deste tipo não devem ser ligados próximo a duchas ou piscinas.

– Evitar improvisos (gambiarras), pois eles aumentam o risco de acidentes com a rede elétrica.

– Não tentar socorrer as vítimas se houver fio partido. Nesse caso, acionar imediatamente a Cemig e o Corpo de Bombeiros.

Fonte: Ascom Cemig 

Postado em 11/06/2018
Compartilhe:

3 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Arthur | 2 meses atrás

    tenho uma duvida, posso soltar fogos debaixo de um poste?

    0 0 Responder

    Robin Hood - 2 meses atrás

    Pode solta e depois me fala o que acontece

    0 0

    Robin Hood - 2 meses atrás

    Deu nada não....

    0 0