349669 2216 Ok
CNA - Halowen
Publicado em 19/01/2017
Compartilhe:

Cemig alerta para ação de criminosos contra consumidores em várias regiões de Minas Gerais

Os golpes foram registrados em várias regiões do Estado

Cemig alerta para ação de criminosos contra consumidores em várias regiões de Minas Gerais

A Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig alerta seus consumidores para que fiquem atentos contra golpes de pessoas mal intencionadas que estariam utilizando o nome da Companhia para extorquir clientes, utilizando informações falsas a respeito de débitos e outras questões de relacionamento cliente/Empresa. Na maioria dos casos, os golpistas informam à vítima que, para a quitação de um “débito”, deverá ser feito depósito em determinada conta corrente informada pelo criminoso, sob pena do consumidor ter o fornecimento de energia suspenso. A Empresa e as autoridades competentes já identificaram esse tipo de golpe nas regiões do Triângulo Mineiro e no Sul de Minas, além de Belo Horizonte.

De acordo com o gerente de Gestão e Controle da Medição e das Perdas Comerciais da Distribuição da Cemig, Marco Antônio de Almeida, ninguém está autorizado a realizar cobranças por quaisquer serviços realizados, ou a receber valores a título de débitos, bem como vender produtos em nome da Empresa. “Todas as cobranças da Empresa são realizadas via fatura de energia elétrica ou documento emitido pela Cemig, e recebidas nos agentes arrecadadores credenciados”, afirma o Gerente.

Marco Antonio ressalta, ainda, que caso os consumidores passem por situações semelhantes, eles devem entrar em contato com a Empresa pelos canais de atendimento e procurar as autoridades competentes do seu município.

“Em caso de dúvida, o consumidor deve procurar por uma Agência ou Posto de Atendimento da Cemig de sua cidade ou ligar para o Fale com a Cemig, pelo telefone 116. A Cemig orienta ainda que seja registrado boletim de ocorrência nesses casos, para que a polícia possa investigá-lo”, destaca Marco Antônio.

Contato telefônico

 A Cemig ressalta que a única modalidade em que entra em contato com os consumidores é para negociar débitos atrasados, por meio de uma empresa prestadora de serviços contratada pela Companhia.

Mesmo nesses casos, o consumidor deve ir a uma Agência de Atendimento ou acessar o site da Cemig para a emissão das notas fiscais, que são emitidas em nome da Companhia, e que devem ser quitadas nos agentes arrecadadores credenciados.

Fonte: Ascom CEMIG

Rovan - Super Banner Rodape - inicio 11-07-17
Postado em 19/01/2017
Compartilhe:

5 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • monbrasa | 9 meses atrás

    Gente, esse numero 116 não funciona, eu é que estou sentindo extorquido com valores da minha conta, eles pedem que liguem, no 116 só que não funciona, já tem mais de um mês que estou tentando resolver problema pra troca de padrão (quebrado) e não consigo falar com eles....atendimento ZERO....

    0 0 Responder

  • Suputuba | 9 meses atrás

    A informação golpista de que a pessoa tem um debito sai lá de dentro da CEMIG, esqueceram de informar...

    11 0 Responder

  • Consumidor indgnado | 9 meses atrás

    Esses são estelionatários. Nos roubam uma vez e desaparecem, a Cemig nos estorque todo mês com uma energia muitíssimo cara e com um atendimento péssimo. A energia elétrica mais cara do país.

    33 1 Responder

  • Hromeu | 9 meses atrás

    Pessoas mal intencionadas estaria utilizando o nome da empresa para extorquir clientes ? já somos extorquidos pela própria CEMIG, pagando essa taxa de iluminação pública , CARÍSSIMA .

    52 0 Responder

    Leandro - 9 meses atrás

    É verdade. Desses criminosos da matéria pelo menos dá pra fugir. Da taxa de iluminação e cia, não

    41 1

    Maria - 9 meses atrás

    O que eu acho engraçado é que somos roubados e metade da cidade esta no escuro.

    35 1

    Jairão - 9 meses atrás

    Esta taxa de iluminação não é a Cemig que está extorquindo. É o governo, que também tem outras taxas não menos prejudiciais ao consumidor. Seria até difícil enumerá-las.

    6 14