Brasil registra 614 novas mortes por Covid-19 e atinge total de 87.618 óbitos

Os números diários da pandemia no Brasil costumam recuar às segundas-feiras

publicado em 28/07/2020,


 

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Orthodontic - Especial Notícias

O Brasil registrou nesta segunda-feira 23.284 novos casos de coronavírus, o que eleva a contagem total de infecções no país a 2.442.375, e mais 614 mortes em decorrência da Covid-19, atingindo um total de 87.618, informou o Ministério da Saúde.

Os números diários da pandemia no Brasil costumam recuar às segundas-feiras, em função do atraso para o processamento de testes durante os finais de semana.

Na semana passada, depois de uma segunda-feira com 20.257 novos casos, o Brasil registrou o recorde diário de 67.860 infecções na quarta-feira e passou dos 50 mil novos casos por dia nos três dias seguintes.

Dessa forma, o país verificou na última semana seu maior número de casos semanais desde o início da pandemia, com 319.653 infecções. Além disso, a semana epidemiológica encerrada no domingo teve o maior número de óbitos, 7.677, uma média de 1.096 por dia.

O Ministério da Saúde tem indicado o avanço recente da doença nos Estados do Sul como a principal razão para o aumento no número de casos. As autoridades da pasta também afirmam que a chegada do inverno contribui para a alta contagem.

O Brasil é o segundo país do mundo com maior número de casos e óbitos por coronavírus, atrás apenas dos Estados Unidos.

São Paulo é o Estado mais afetado pela Covid-19 no Brasil, com 487.654 casos e 21.676 óbitos, mas o governo estadual disse ter verificado na semana de 19 a 25 de julho uma queda de 4% no número de óbitos em relação à semana anterior.

O governo paulista anunciou nesta segunda-feira uma alteração nos critérios para que as regiões do Estado passem da fase amarela para a verde no plano de retomada econômica. Agora, o percentual de ocupação de leitos de UTI nas regiões poderá variar de 70% a 75% para que a mudança de categoria ocorra — antes, a alteração só poderia acontecer com menos de 60% dos leitos ocupados.

Na sequência da lista por Estados divulgada pelo Ministério da Saúde aparecem Ceará e Rio de Janeiro, que dividem o segundo lugar. O Estado nordestino possui maior número de casos (162.429 infecções, 7.509 óbitos), mas o Rio conta com contagem mais elevada de mortes (157.834 casos, 12.876 óbitos).

Bahia, Pará, Maranhão e Minas Gerais completam o grupo de sete Estados brasileiros com mais de 100 mil casos confirmados de Covid-19.

O Brasil tem ainda 1.667.667 pacientes recuperados da doença, além de 687.090 em acompanhamento, segundo o Ministério da Saúde.

A taxa de mortalidade da doença no país é de 3,6%.

Fonte: Reuters

Postado em 28/07/2020
Compartilhe:

0 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes, fake news ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve-se ter ciência de que poderá ser responsabilizado cível ou criminalmente!

Os comentários que receberem 100 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.