349669 2216 Ok
Publicado em 17/10/2017 por Maurício Fernandes
Compartilhe:

Associação Vem-ser realiza encontro sobre Educação Sistêmica com centenas de professores

Cerca de 300 professores participaram da reunião que aconteceu no salão da DB na Avenida JK.

O evento contou com a participação de cerca de 300 profissionais.

A Associação Vem-Ser, em parceria com empresários e com o Ministério Público, realizou nesta terça-feira (17), o terceiro encontro entre professores do ensino básico e médio a respeito da Educação Sistêmica. O evento contou com a participação de cerca de 300 profissionais.

O módulo 3 do evento será em dois dias, hoje de 08h00 às 19h00 e amanhã de 08h00 às 18h00. De acordo com a Gerente administrativa da Vem-Ser, Tânia Barbosa, o evento está sendo almejado pelos professores há muito tempo e em 2012 foi feita a primeira edição.

Cerca de 300 professores participaram da reunião que aconteceu no salão da DB na avenida JK. O promotor da Infância e Juventude de Patos de Minas, Doutor Paulo Henrique Delicole, também participou do encontro. Ele disse que é importante que as crianças e os adolescentes tenham amor em casa. “Tudo que acontece na casa do jovem, ele transparece para fora, ou seja, se em casa o ambiente é conflituoso ele levara isso para a escola”.

Tânia Barbosa reforçou que o papel do professor é ensinar. “Se todo mundo já levasse o filho educado para a escola, o professor não teria tanto trabalho. Infelizmente, o professor não é pai e nem mãe, ele está ali pra fazer o seu papel que é ensinar e acolher”.

O evento contou também com as palestras de Rosely Evangelista Ferreira e Fabiano Samy. A Associação Vem-Ser de Proteção e Assistência à Criança e ao Adolescente de Patos de Minas é uma associação de caráter assistencial, educacional, cultural e sem fins lucrativos que presta contribuições à comunidade e que há 10 anos presta o serviço de prevenção ao uso de drogas nas escolas de Patos de Minas, através do Projeto Cruzada Antidrogas.

O 4° módulo do evento de Educação Sistêmica acontecerá em novembro.

Imagens atualizado em 17/10/2017 • 9 fotos

Autor: Maurício Fernandes Postado em 17/10/2017
Compartilhe:

2 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • TAJ MAHAL DO CERRADO | 2 meses atrás

    Tem gente demais que não é da área palpitando mesmo. É verdade. Imagine um professor ir dar palpite no trabalho do ministério público! Tá certo? Então a recíproca também é verdadeira.

    0 0 Responder

  • Eunice Durham | 2 meses atrás

    Professor oferece instrução e conhecimento. Não é responsável por educação. Mas, como alguém pode oferecer algo que, em geral, não possui? Cursos de formação de professores são muito fracos no Brasil e de curta duração. É um engano total! Enquanto os ditos "especialistas" não começarem a falar em AUTORIDADE e DISCIPLINA nada irá melhorar no país em relação às crianças, adolescentes e jovens. É muito psicologização, é muita mão pra passar na cabeça etc. E tem gente demais dando palpite na área educacional. Cada macaco no seu galho. A pessoa não estudou pra ser professor e quer ensinar os professores a darem aulas. Isso é o que ocorre nesses encontros. Chamem esses sabichões pra ficar na sala de aula uma semana já que eles sabem tudo.

    1 2 Responder