Agredido em festa, homem mente que foi assaltado para ser atendido primeiro e acaba preso

Um telefone celular foi apreendido e a polícia também apura o envolvimento da suposta vítima com um incêndio criminoso que danificou a casa onde ocorria uma festa na zona rural.

publicado em 15/04/2019, por Maurício Rocha


 Pedro Henrique Amaral de Castro Alves, de 27 anos, foi preso em flagrante por falsa comunicação de crime.

Um homem de 27 anos foi parar na delegacia nesse domingo (14) por falsa comunicação de crime. Segundo a Polícia Militar, ele inventou ter sido vítima de assaltantes para receber atendimento médico mais rápido. Um telefone celular foi apreendido e a polícia também apura o envolvimento da suposta vítima com um incêndio criminoso que danificou a casa onde ocorria uma festa na zona rural.

A Polícia Militar foi acionada por uma testemunha que encontrou a vítima ferida em uma estrada vicinal próxima ao distrito de Areado. Pedro Henrique Amaral de Castro Alves, de 27 anos, apresentava sangramentos na cabeça. Ele relatou que estava indo embora de uma festa em companhia de duas garotas quando três homens se aproximaram em um veículo não identificado e anunciaram o assalto. Pedro disse que correu para o meio do mato, mas foi capturado e agredido a coronhadas de revólver pelos criminosos.

–––––––––––––––––––––––––––––––– CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE ––––––––––––––––––––––––––––––––
Rota Pop

Os bandidos teriam fugido e levado as duas garotas que supostamente estariam com Pedro Henrique. Ele foi socorrido por uma unidade do Corpo de Bombeiros e levado para a Unidade de Pronto Atendimento. Acionada, a Polícia Militar foi até a casa, conhecida como Chácara do Daltinho, onde ocorreu a festa e descobriu outra versão. Testemunhas informaram que Pedro se envolveu em uma briga com outros participantes da festa, sendo agredido na cabeça. Os agressores foram embora em um Cadete e uma pick up Saveiro.

A testemunha informou que tentou acalmar Pedro, mas ele se armou com uma faca, quebrou um tanquinho de lavar roupas e saiu pela estrada. Os policiais constataram ainda que a casa onde ocorreu a festa pegou fogo, queimando boa parte do telhado. As testemunhas, entretanto, disseram que não viram quem ateou fogo na residência e não quiseram acusar Pedro.

Os policiais fizeram novo contato com Pedro Henrique na Unidade de Pronto Atendimento. Após entrar em várias contradições, ele acabou confessando que inventou a história do roubo para ser atendido mais rápido na Unidade de Pronto Atendimento. Após receber alta médica, ele foi preso em flagrante por falsa comunicação de crime e levado para a Delegacia. Um telefone celular que estava com Pedro, mas que não pertence a ele foi apreendido. Os dois homens que o agrediram foram identificados, mas não foram localizados.

Autor: Maurício Rocha Postado em 15/04/2019
Compartilhe:

24 comentários

Recentes Populares
Termo

Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Portal Patos Hoje. É vedada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O Portal Patos Hoje poderá remover, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos ou que estejam fora do tema da matéria comentada. É livre a manifestação do pensamento, mas deve ter responsabilidade!

Os comentários que receberem 20 votos negativos a mais que os positivos serão retirados do Portal.

  • Anonimo | 5 meses atrás

    Durante a festa nem cadete tinha,os ocupantes da saveiro foram embora antes da confusão. Essa chacara ja vem tendo um historico de muita confusão. Todos participantes dessa festa teriam que ser ouvidos,pois a historia esta totalmente distorcida.

    0 2 Responder

    Joaquim - 5 meses atrás

    Como pode mentir desse jeito em . Vc quer acobertar ele. Mas não vai dar não kkkkkk

    3 0

    Anonimo - 4 meses, 3 semanas atrás

    Defender quem?quem realmente sabe do caso,sabe exatamente quem estava la e tudo que aconteceu

    0 2

  • Joaquim | 5 meses atrás

    A polícia não quer pegar não pq a polícia sabe onde que tah o cara do cadete e não fez nada até agora. Depois ainda manda a população ajudar. Não dá pra entender????????????

    1 1 Responder

  • Flavão | 5 meses atrás

    O pior foi que disseram na imprensa que tinha ocorrido um grande assalto e que as vítimas tinham sido agredidas com coronhadas e que os bandidos tinham levado até seu carro. Areado, um Distrito pacato, sossegado, mas tem um morador ilustre, ex vereador que aumenta tudo que acontece por lá, não gosta do local e fica fazendo terrorismo. Vê se fica calado ex vereador, e vcs da imprensa parem de dar crédito pra esse mentiroso.

    2 5 Responder

    Alguém - 4 meses, 4 semanas atrás

    Kkkkkkk Areado pacato, sossegado? Aonde? Kkkkkkk esse lugar é o inferno na terra, só tem mentirosos, não é só o ex vereador Xéu que mente não, todos desse lugar não valem uma pipoca kkkkkk

    5 1

  • Nato | 5 meses atrás

    ... NOIADO, olha a cara desse ... apanhou pouco ... !!!

    9 0 Responder

  • PATOS A CIDADE DOS CARROS CLONADOS | 5 meses atrás

    Olho o nariz desse cara Nariz de chrirador de cocaína noiado

    11 2 Responder

  • Tufão | 5 meses atrás

    Nós estamos é perdido mesmo....esse inferno ainda foi liberado não sei como a polícia não coloca esse malandro atrás das grades....num presta pra nada ladrão só quer dar um de bonzao...tipo ruim só sabe fazer merda! daqui uns dias tá aprontando de novo...

    15 0 Responder

    Sociedade - 5 meses atrás

    Como assim foi liberado? Ele tá na rua? Que lei é essas Brasil?

    2 0

  • Ana | 5 meses atrás

    Ain que babaca????

    10 1 Responder

  • URT | 5 meses atrás

    Esse pedro e um picareta!!

    19 0 Responder

  • Amazonas | 5 meses atrás

    AHHHH KKKKKK. MAS DEFORMOU ELE DE MAIS CURUIS KKKKKKK

    10 0 Responder

  • Vixe | 5 meses atrás

    Que festa Boa... pessoas do bem, família..... tudo ok

    16 1 Responder

carregar mais comentários